BEM VINDO


Recados Online

A EXCELÊNCIA DO AMOR

segunda-feira, 20 de outubro de 2014

A IRMÃ DO EX PRESIDENTE LULA, LINDINALVA SILVA...


Lindinalva Silva recomendsa vota no Aécio e não na Dilma.
Isto é estrondoso, não acha?
Por que será que Ela recomenda votar em Aécio?
Veja o Vídeo abaixo.





PARA OS PASTORES

             "É TRABALHO!"

              [...] "e qual seja a obra de cada um o próprio fogo provará", (I Cor. 3:13).

              "Que elevado privilégio é se encontrar a serviço do Senhor, tanto no serviço chamado de tempo integral como no trabalho fiel de um leigo!

              [...] Em seu livro Be Free (Seja Livre), Warren W. Wiersbe mencionou o fato dos pastores jovens geralmente visitarem o grande pregador britânico George Campbell Morgan perguntando-lhe o segredo de seu sucesso. Quando alguém lhe perguntou o que dizia a esses aspirantes a pastores, Morgan respondeu: 'Eu sempre digo a mesma coisa: trabalho; trabalho duro; e, novamente, trabalho!' E Morgan viveu de acordo com o seu conselho. Ele se encontrava em seu escritório desde às 6 horas da manhã, descobrindo ricos tesouros em sua Bíblia a fim de passá-los ao povo de Deus.

            Talvez você recebeu uma tarefa difícil de executar para o Senhor. Talvez esteja exigindo mais tempo e mais esforço do que você gostaria de dedicar. Ou talvez você tenha de fazer alguma coisa para que seja desagradável. Não se queixe, modifique sua atitude. Seja grato porque Deus lhe confiou uma tarefa tão importante. Confia na força dele e dedique-se à tarefa. Lembre-se, a obra do Senhor é realizada através de trabalho duro!" D. C. E.

           PENSAMENTO: "Podemos trabalhar sem resultados, mas nunca teremos resultados sem trabalho".

           D. C. E. Pão Nosso de Cada Dia. Tradução de Yolanda M. Krievin. Imprensa Batista Regular. São Paulo, 1990, P.2.

"O SEGREDO DE UMA VIDA LONGA"

             O (Sal. 90:12) nos diz: "Ensina-nos a contar os nossos dias, de tal maneira que alcancemos corações sábios".
            "Esse lembrete deveria nos levar a meditar no segredo da vida que realmente é longa: a vida eterna no céu. devemos contar os nossos dias, usando o tempo que temos nos preparativos para a eternidade. E isso, através da garantia de nossa salvação por meio da fé em Cristo e vivendo diariamente para Ele.
             Não vamos perder a vida eterna presumindo que uma vida longa aqui na terra nos dar tempo suficiente para nos prepararmos  para a eternidade. Hoje é o dia da salvação".
              Vida longa só com Jesus!

            M. R. D. Pão Nosso de Cada Dia. Tradução de Yolanda M. Krievin. Imprensa Batista Regular, São Paulo, 1990, P. 1.

sexta-feira, 17 de outubro de 2014

POR QUE O SER HUMANO PRECISA SER SALVO?

POR QUE O SER HUMANO PRECISA SER SALVO?

"Imagine que esteja em pé na margem de um lago. Você observa um homem no meio do lago. Ele é incapaz de manter-se flutuando. logo, morrerá se alguém não o salvar! Qual o elemento que o matará? Água. Ele se afogará em água. Afim de ser salvo, terá de ser retirado da água. A palavra salvação em si indica que você precisa ser salvo de alguma coisa que ameaça tirar-lhe a vida. Qual o elemento que matará você? O pecado. Você está se afogando no pecado numa vida de outo direção. A fim de ser salvo, você tem de ser retirado do poder do pecado.
[...] Salvação, então, é deixar a vida auto-possuída e receber a vida Cristo-possuída. Salvação não é simplesmente uma maneira de morrer. Não é simplesmente um seguro de vida para além da morte. Salvação é o ato de Deus de resgatar você da vida auto dirigida.
[...] O ato de 'ser salvo' significa que você deseja ser resgatado de si mesmo, duma vida obstinadamente desejosa de ser auto-governada. Salvação significa ser governado por Cristo. Nunca pense em salvação como algo menos do que isso!" (Ralph W. Neighbour Junior. Segue-me. Tradução de Martha E. Hairston. Junta de Evangelismo da Convenção Batista Brasileira. 2ª edição, Rio de Janeiro, 1984, 129 P. P 86-87).

Pr Flávio da Cunha Guimarães

Você poderá gostar também de: http://leiladresseler.blogspot.com

A DILMA E O TERRORISMO ANTES E DURANTE A DITADURA

DILMA ROUSSEFF E O TERRORISMO ANTES E DURANTE A DITADURA.
VEJA O VÍDEO DO LINK ABAIXO.
https://www.youtube.com/watch?v=v_hyVvSxB9Y

SE QUISER SE INTEIRAR MELHOR SOBRE A VIDA DA DILMA COMO TERRORISTA, ACESSE O LINK A SEGUIR:
http://homemculto.com/dilma-rousseff-participou-do-barbaro-assassinato-do-soldado-mario-kozel-filho/
SE ELES NÃO ABRIREM, COPIEM E COLEM NO YOUTUBE E NO GOOGLE.

quinta-feira, 16 de outubro de 2014

SEXO NA ADOLESCÊNCIA


Deveria e é para ficar assustada mesmo, uma adolescente grávida.

Assisti uma entrevista da Xênia Bier, em seu Programa na Rede Bandeirantes de TV, no dia 16/05/1986, quando entrevistava um médico que lidava com adolescentes que tinham relações sexuais e engravidavam-se. Participavam do programa duas jovens senhoras. Na entrevista ficou evidenciado que a sexualidade na adolescência é de risco, e é mais problemática devido a não preparação emocional, psicológica, orgânica porque a menina ainda não reuniu todas as proteínas para alimentar o feto, bem como não há como haver dilatação suficiente para o parto, e por isso poderá causar eclampsia.
A Xênia, em sua palavra final, deixou isso claro: "Sexo para adolescentes é violentar a natureza que está informe ainda". Ela colocou que muitas delas estão entrando nessa onda porque já havia virado moda. A moda faz das adolescentes escravas de ideologias de pessoas que estão por trás manipulando, escravizando e explorando o ser humano. Disse mais: "A serviço de quem está a minha cabeça, a minha mente?"
Vender a sua cabeça, a sua mente, sua inteligência, a sua reputação e sua felicidade é deixar os outros fazerem a sua cabeça; é estar preso a alguém ou a sua ideologia.
O Sexo desde dos anos oitenta e muito mais hoje, tornou-se uma indústria onde se ganha muito dinheiro, em que o ser humano é apenas um produto negociável, descartável e que paga um preço altíssimo. E quanto incentivo as novelas, os filmes e as baladas tem dado para os adolescentes caírem como patinhos? 
Fica aí registrado o alerta para quem ler e pensar antes de uma aventura sexual.

Pr Flávio da Cunha Guimarães

OS "SES" DA VIDA

Conta-se que uma mulher de cor negra, muito pobre, que se sustentava com dificuldades e trabalho árduo; mas era uma crente sempre alegre e fiel. Certa vez disse-lhe  uma outra mulher crente que vivia triste e infeliz:
- "Você está alegre agora, mas acho que se você pensasse no futuro, iria moderar um pouco esse seu entusiasmo. Você já pensou se lhe aparecer uma doença e não puder mais trabalhar? Ou se seus patrões mandarem embora daqui e você ficar sem emprego? Ou se..."
- "Pare! Pare!" Pediu a irmã alegre. - "Eu não tenho nenhum "se". O Senhor é o meu Pastor e eu sei que nada me faltará", tamanha era a sua confiança em Deus Pai.
- "São os "SES" que estão deixando você tão infeliz. É melhor deixá-los de lado e confiar mais no Senhor".
Professor e Oficiais, JUERP, 4º Trim. 1983, P. 5.
Moral da história: São os "SES" na vida dos crentes que os deixam infelizes. Se cremos e confiamos, todos os "SES" desaparecerão, pois o nosso Senhor diz em (II Cor. 9:8) "E Deus é poderoso para fazer abundar em vós toda a graça, a fim de que tendo sempre, em tudo, toda a suficiência, abundeis em toda a boa obra", amém!
Pr Flávio da Cunha Guimarães

segunda-feira, 13 de outubro de 2014

HABITANDO NO MEIO DO ENGANO!

        HABITANDO NO MEIO DO ENGANO!
        (Jer. 9:1-6), a princípio só leremos o (V.6) que diz: “A tua habitação está no meio do engano; pelo engano recusam conhecer-me, diz o SENHOR”.

        Este texto fala de uma tristeza dramática. Ele está em um contexto em que o Senhor Deus está num esforço tremendo, através do profeta Jeremias, para trazer de volta o seu povo a Ele, (Deus), porque o seu povo deliberadamente o abandonara, apostatou da sua fé para viver a sua vida livre, pecaminosa, sem se preocupar com o Senhor, com os seus ensinamentos, com as consequências de tal decisão. Deliberou em seu coração viver totalmente na apostasia; em um tremendo engano.

        Diferente de hoje? Não! De jeito nenhum!
        As pessoas preferem viver enganadas, quanto as verdades divinas, do que saberem a verdade e terem que mudar de vida.
        Quando falamos para as pessoas que precisam mudar de vida, é como se falássemos um palavrão ofensivo; se sentem ofendidas e entendem que estamos falando que elas precisam mudar de religião, quando na verdade, mudar de vida, não significa necessariamente mudar de religião.
        Mas se precisar mudar de religião, o que há de mais? É pecado? É imoral? É crime? Tem religiões e seitas que estão distantes da Bíblia tanto quanto o oriente está do ocidente! Daí o nosso tema: HABITANDO NO MEIO DO ENGANO! Não adianta mudar de religião, como muitos fazem, mudando de igrejas, sem uma mudança verdadeira de vida, de pensamentos, de postura, o caráter.

        O texto de (Jer. 9:1-6) que citamos acima, Deus ao mesmo tempo que fala dos pecados do povo, e fala com pesar, com uma tristeza profunda, porque o povo não quer ouvir o que o Senhor tem a lhe dizer através do profeta, homem de Deus, que faz com que O Senhor Jeová fique envergonhado de seu povo, a ponto de pensar em separar-se dele.
        O chorar já não comove mais o coração do povo petrificado.
        O (V.1) começa dizendo: “Oxalá a minha cabeça se tornasse em água”.
        Oxalá é uma interjeição que exprime o desejo de que certa coisa suceda; tomara que aconteça! Queira Deus! Que tudo saia como planejado!
        Tomara que a minha cabeça se tornasse em água. Uma possibilidade rêmora, mas desejosa, o que denota uma expressão um tanto estranha!
        Para que? Qual a finalidade de uma cabeça de água? Para chorar continuamente, abundantemente de tristeza por causa dos dias difíceis! Por causa dos mortos na guerra, contra o exército babilônico, o que o Senhor Deus estava prevendo, o que de fato aconteceu.
       
        Pois faltaria lágrimas para chorar a dor muito grande; a tristeza enorme; as percas irreparáveis por abandonarem o Senhor Jeová.
        O choro da tristeza profunda.
        O choro por causa da estupidez do povo.
        O choro por não ver outra solução, a não ser entregar o povo, para ser disciplinado, de maneira cruel por outros povos por causa dos desvios do povo.
        O choro por vidas preciosas, inocentes morrerem por causa da irresponsabilidade do povo, e principalmente da liderança.
        Estamos precisando chorar pelo destino de nosso país. De nossos filhos, crianças. O quadro que aí está não vejo futuro promissor para as crianças de nosso país.

        A conduta do povo era de maneira escandalosa. Qual era? Adultério. Traição. Mentira. Maliciosos para o mal. Abandonaram a Deus. Por enganar o seu próximo. Calúnia. Zombaria. Vida perversa. Recusa deliberada das coisas de Deus.
        Diferente hoje? Não! A nossa sociedade está empraguejada e impregnada com adultério; prostituição; mentira; malícia para o mal; enganação do próximo; calúnia; zombaria principalmente para com os crentes; o povo vive uma vida de práticas abomináveis para com Deus. Tudo por causa de uma recusa deliberada das coisas relativas a Deus.
        Por outro lado, tudo seria diferente, e será diferente ainda hoje, se o povo aproveitasse, se aproveitar a chance, a oportunidade amorosa que o Senhor Deus estava e está dando, através do apelo, mediante o arrependimento, uma mudança de vida radical.

        O Senhor Deus perdoa, é só reconhecermos e pedirmos perdão. Peçamos perdão das coisas ruins, das maldades, das ofensas que cometemos para com as pessoas e dos pecados que cometemos contra o Senhor Deus. Decida fazer isso enquanto há tempo.

        Pr Flávio da Cunha Guimarães

        Você poderá gostar de: http://gospelcard.blogspot.com

        Bibliografia
1 - HARRIS, R. Laird; Gleason L. Archer Junior e Bruce K. Waltke. Dicionário Internacional de Teologia do Antigo Testamento. Tradução de Márcio Loureiro Redondo; Luiz A. T. Sayão e Carlos Osvaldo C. Pinto. 2008, Ed. Vida Nova, São Paulo, 1789 p, p. 235.
2 - Bíblia de Estudo de Genebra. São Paulo e Barueri. Cultura Cristã e Sociedade Bíblica do Brasil, 1999, 1728 p.
3 - Bíblia Vida Nova. Traduzida por João Ferreira de Almeida. Editora: S. R. Edições Vida Nova, 2ª Ed. 1978, São Paulo.
4 - BOYER, Orlando S. Pequena Enciclopédia Bíblica. 7ª Ed. Editora Vida, Miami Flórida USA, 665 p.
5 - Bíblia de Promessas. Tradução João Ferreira de Almeida. RC. 2ª Edição, Co-edição JUERP e King's Cross Publicações, 2009.
7 - Marcelo Ribeiro de Oliveira. Bíblia Sagrada Versão Digital 6.7 Freewere, marcelo@blasterbit.com

QUAL É O MELHOR PRESENTE PARA AS CRIANÇAS?

         Ontem se comemorou o dia da criança, com muito mérito diante da importância delas; diante da fragilidade delas; acima de tudo porque amamos os nossos filhos e eles são criaturas do Senhor Deus, feitas a sua imagem e semelhança também.

        Mas tenho uma preocupação muito grande com a maioria das crianças de nosso país, de maneira particular, com as crianças de nossa cidade, que estão expostas a tantos ataques desde agressões físicas, morais, até ao desamparo psicológico, emocional, sentimental, material, sem comida na mesa; crianças que convivem com as drogas e com a marginalidade. Qual será o futuro dessas crianças? Pais que não tem estrutura emocional, sentimental para criarem e educarem os filhos.

        Filhos estes que acabam sendo vítimas de pais irresponsáveis. É daí que vem tanta violência, usuários de drogas e as mazelas que permeiam a nossa sociedade.

        É preciso fazer mais do que comprar presentes para os filhos. É preciso fazer mais do que uma programação para as crianças. É preciso educar, conscientizar, criar os filhos com amor, com carinho e com proteção; mas também com limite, com disciplina, com castigo, e se necessário, com umas varadas, como nos diz (Pv. 13:24) “O que não faz uso da vara odeia seu filho, mas o que o ama, desde cedo o castiga”. (Pv. 23:13) “Não retires a disciplina da criança; pois se a fustigares com a vara, nem por isso morrerá”. E (Pv. 19: 18) “Castiga o teu filho enquanto há esperança, mas não deixes que o teu ânimo se exalte até o matar”.

        Filhos devem ser corrigidos porque os amamos, não porque os odiamos. É pensando na importância, no valor de uma criança para a sociedade futura, para nós no presente e para Deus, que precisamos orar por elas, educá-las e ensiná-las sobre as verdades divinas, pois são herança do Senhor como nos diz o (Sal. 127:3) "Eis que os filhos são herança do SENHOR, e o fruto do ventre o seu galardão".

        É bom dar presente, mas é muito melhor dar comida, exemplo de vida, ensino da Palavra de Deus, dar amor, atenção, brincar com os filhos, dar a disciplina, o limite e o esclarecimento.

        Reflexão de Flávio da Cunha Guimarães

sábado, 11 de outubro de 2014

TRÊS PASSOS PARA A CONVERSÃO VERDADEIRA!

        JER. 8:4-22
        PASSOS PARA A CONVERSÃO VERDADEIRA

        No mundo religioso existem os convertidos genuinamente, que são aqueles que tem uma mudança de vida radical, na maneira de pensar, de falar, de agir, de se comportar e de ver a sociedade como um todo. E existem os convencidos, que são aqueles que gostam da igreja porque lá tem uma boa música; porque ouvem palavras que confortam seus corações; porque tem boas amizades; porque é um lugar mais seguro para frequentar; porque encontra decência e ordem; porque está interessado em uma jovem mais recatada ou um jovem menos irresponsável. O que muita gente se engana é quanto o ser membro de uma igreja e o ser convertido verdadeiramente, pois na igreja existem os bons e os maus crentes, infelizmente; os convertidos e os convencidos.

        1 – O PRIMEIRO PASSO PARA A CONVERSÃO VERDADEIRA É: Pararmos de dar desculpas para nós mesmos e para o Senhor Deus, em relação as nossas falhas e pecados que cometemos de maneira consciente ou inconsciente e ainda perguntamos como o povo judeu perguntava, o que lemos no (V. 6): “Que fiz eu?”

        O problema está em achamos que não fazemos nada de errado. Que somos santos e Inocentes, que o Sr Deus aceita tudo, desde que feito com boa intenção e por amor. Quanto engano! O inferno está cheio de pessoas bem intencionadas! A Palavra do Senhor nos diz em (Rom. 3:23) “Porque todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus”. Precisamos parar de querer inocentarmos a nós mesmos diante do Senhor Deus e de sua Palavra.

        O povo judeu estava vivendo uma vida pecaminosa, distante do Senhor Jeová, provocando a ira do Senhor Deus e ainda perguntava: “Que fiz eu?”
        É o que está acontecendo em nossos dias. Achamos que não há nada de errado conosco, em nosso viver. Que tudo está muito bem para com Deus. Que pecado é coisa da cabeça de pastores que querem controlar os seus fiéis. Enquanto alguns pensam assim, a sociedade está afundando de maneira galopante na imoralidade, nos vícios, nos crimes violentos e hediondo, na destruição das famílias e das vidas.
        Precisamos ter coragem para assumirmos a condição de que somos pecadores falhos, e como tais, estamos sem salvação, estamos perdidos. Portanto, precisamos da salvação que o Senhor Deus nos oferece gratuitamente em Jesus Cristo, bastando somente o crer e receber a Jesus Cristo pela fé em nosso coração, como nos diz (Jo. 1:12: e Ef. 2:8-9).
        A partir de hoje, paremos de dar desculpas para os nossos pecados, erros e defeitos de caráter. Entreguemos as nossas  vidas a Jesus Cristo e deixemos Ele mudar a nossa vida e o nosso viver. Este é o primeiro passo para a conversão.

        2 – O SEGUNDO PASSO PARA A CONVERSÃO VERDADEIRA É: Precisamos Reconhecer que somos pecadores, como os judeus reconheceriam mediante a disciplina e o juízo do Senhor Deus Pai sobre eles, como nos diz o (V. 14c) “pecamos contra o Senhor”.
        Quais eram os pecados dos judeus?
        Apostasia contínua, (V. 5). Teimosia em permanecer no erro, (V. 5). Seguir os desejos do coração e da carne. Serem maldosos de maneira deliberada, (V.6). Serem irracionais, (V.7). Afastamento dos ensinamentos do Senhor, (V.7). Serem pretensiosos, (V.8). Serem falsos, (V.10). Mentirem, (8:11, 9:3). Idolatria, (V.19). E Adultérios, (9:2).

        Pecados estes que levam a três resultados, como veremos a seguir:
        O Primeiro Resultado: Deus começa a exercer o seu juízo soberano sobre o povo enquanto o povo ainda vive.
        É o que lemos no (V.10), perderam suas mulheres. No V.14) diz: “pois já o Senhor nosso Deus nos destinou a perecer e nos deu a beber água de fel; porquanto pecamos contra o Senhor”.
        Água de fel significa sofrimento, o que de fato aconteceu ainda nos dias de Jeremias, pois foram massacrados e escravizados pelos babilônicos.
        Por outro lado, isso podia ser evitado, se o povo reconhecesse os pecados, confessando-os ao Senhor Deus Pai, pedindo perdão e assumindo o propósito de não pecar mais, que já é o segundo passo da conversão.

        3 - O TERCEIRO PASSO PARA A CONVERSÃO VERDADEIRA É: O Segundo Resultado: O reconhecimento do povo da sua incapacidade de resolver os seus próprios problemas criados por ele. O que vemos nos (V.11,15 e 18), esperavam a paz e não havia paz, mas sim terror. Não podiam consolar a própria tristeza. Tristeza chegar a esta conclusão, mas é preciso. Tem coisas que nós nem ninguém consegue resolver, mas só o Senhor Jesus Cristo. E é preciso resolver, pois a tristeza corrói, desfalece, enfraquece as forças de qualquer pessoa ou povo.
        No entanto, essa incapacidade de resolver os próprios problemas; a falta de paz; e a tristeza que enfraquecem qualquer pessoa, vão embora quando a conversão chega, pois com a conversão, chega em nossas vidas a presença do Senhor nosso Deus. E onde Deus está presente só há alegria, paz, felicidade, harmonia e consolo. E é isso que eu e você queremos para as nossas vidas e para os nossos familiares. Não é verdade?Aí está o terceiro passo para a conversão.

        O Terceiro Resultado: É a conversão, que é o único caminho para quem está no fundo do poço, sem saída.
        Conversão é tomar consciência da situação em que se encontra, reagir e buscar a ajuda do Senhor Deus para mudar a situação.
        O (V.4) diz: “Assim diz o Senhor: Porventura cairão e não se tornarão a levantar? Desviar-se-ão, e não voltarão?”
        O natural é que todos os que caem, querem levantar-se.
        Todos os que desviam-se a sua rota, tem que voltarem para a rota original, se não ficarão perdidos, a deriva e não chegarão a lugar algum. Voltar ao caminho original, isso se chama conversão.
        Não querer a conversão é um ato de estupidez.
        O que você fará esta leitura? Continuará vivendo uma vida de estupidez? Sem paz interior, sem felicidade, sem moral por viver uma vida pecaminosa, por caminhos perigosos que podem leva-lo a morte? Ou buscará a ajuda do Senhor para uma conversão verdadeira para a sua vida?
        Eu escolhi a conversão. Você faça a sua escolha. Mas saiba que eu e Deus queremos a sua conversão verdadeira para a sua salvação eterna e sua felicidade.
        Escolhe a salvação, pois o Senhor Jesus está com as mãos estendidas para você, para lhe salvar.

        Pr Flávio da Cunha Guimarães

       Você poderá gostar também de: http://floreanjoblogger.blogspot.com

Bibliografia
1 - Marcelo Ribeiro de Oliveira. Bíblia Sagrada Versão Digital 6.7 Freewere, marcelo@blasterbit.com.
2 - MESQUITA, Antônio Neves de. Estudos nos Livros de Jeremias e Lamentações de Jeremias. Rio de Janeiro, Editora JUERP, 1979, 262 p. p. 60-62.




QUEM VOCÊ É?

QUEM VOCÊ É? OUÇA, POIS É MUITO INTERESSANTE DE PR CLÁUDIO DUARTE
https://www.youtube.com/watch?v=xnyzdjC-ulg
ASSISTA PARA A SUA EDIFICAÇÃO, POIS EDIFICOU, E MUITO, A MINHA VIDA.

VOCÊ PODERÁ GOSTAR TAMBÉM DE: http://dinaradef.blogspot.com

"POR QUE A CIÊNCIA NÃO CONSEGUE ENTERRAR DEUS"


O Livro de John C. Lennox. Por que a Ciência Não Consegue Enterrar Deus. Editora: Mundo Cristão, São Caetano do Sul (SP), 320 p.

“Sinopse”

“O debate entre cristãos e ateus sempre teve como campo de batalha mais áspero o ambiente científico. Neste espaço dedicado à ciência e ao conhecimento, os fundamentalistas estão atacando. E, desta vez, não são os religiosos cristãos, mas os novos ateístas, que propagam o ateísmo como religião, com cânones, dogmas, líderes ungidos (Richard Dawkins é considerado um papa), normas de conduta e proselitismo.
Para dar aos cristãos embasamento científico suficiente para refutar os argumentos falaciosos com os quais os ateístas tentam esconder o fervor religioso e a parcialidade que nutrem contra as religiões, em especial a cristã, John C. Lennox escreveu este livro. Nele, o autor expõe como os ícones do movimento ateísta falham crassamente ao rejeitar o que mais alardeam: o debate honesto e racional sobre espiritualidade, fé e religião.
Discutindo temas complexos como os limites da ciência, biologia natural e biosfera, design intencional e a teoria da evolução, Lennox prova que, como cientistas, os ateístas não querem descobrir a verdade sobre a existência de Deus e ajuda o leitor a desmontar seus subterfúgios pseudocientíficos, misticismo e argumentação baseada em autoridade e mitos.

Por que a ciência não consegue enterrar Deus debate cosmovisões, cosmogonias, teoria da evolução, criacionismo, design inteligente, os limites da ciência e outros temas fundamentais para a correta análise de fé e razão”. Extraído literalmente de: http://www.livrariasaraiva.com.br/produto/3694772/por-que-a-ciencia-nao-consegue-enterrar-deus, em 08/09/2014.

Você poderá se interessar pelo blog http://escolateologiashadai.blogspot.com, pois recomendo o mesmo.

QUE INDEPENDÊNCIA COMEMORAMOS?

        No domingo, dia 07/09/2014, se comemorou a independência política do Brasil, como colônia de Portugal. O que não há nenhum motivo de orgulho para nós brasileiros, pois saímos das garras políticas de Portugal, há 192 anos, no entanto, estamos nas garras de um número grande de políticos sem escrúpulo, que são verdadeiros politiqueiros, que tem decepcionado, e muito, o povo brasileira, com velhas falsas promessas, que não passam de promessas, porque os problemas continuam os mesmos. Além de aprovarem leis que vão depenando cada vez mais os cidadãos desta pátria querida, com impostos cada vez mais altos e salários, principalmente dos aposentados, cada vez achatados, que por outro lado os salários dos políticos cada vez mais alto e somos nós quem pagamos. Além disso, vivemos uma tremenda escravidão nos mais variados tipos de pecados, uma crise moral tremenda, em todos os seguimentos de nossa sociedade, uma corrupção sem fim e uma economia à beira da falência. Nos orgulhar de que?
        Diante deste quadro, não sejamos tolos, inocentes de acreditarmos que os candidatos que aí estão darão jeito no país, pois não darão; não são os salvadores da pátria. Salvador da pátria só o Filho de Deus, o Sr Jesus Cristo, só Ele pode nos Libertar de todas as mazelas que estamos vivendo! Ele mesmo diz em (Jo. 8:36) “Se, pois, o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres”.
        Essa independência, sim, é para a eternidade. Livres e independentes da escravidão do pecado. Livres e independentes da escravidão de Satanás. Livres e independentes da morte eterna; livres e independentes da ignorância espiritual enquanto aqui vivermos. Livres e independentes da condenação eterna. Livres e independentes da escravidão do peso de consciência. Livres e independentes do medo. Livres e independentes para fazermos as nossas escolhas, ainda que somos responsáveis pelos resultados e consequências das mesmas.
        
        Se por um lado Jesus Cristo nos liberta verdadeiramente, por outro lado os que estão na foto impõem-nos um jugo tremendo.
        Em Jesus Cristo nós somos livres. “Se, pois, o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres”.
        Quem sabe você se interessa pelo blog: http://blograycosta.blogspot.com

PODER ACIMA DE QUALQUER PODER!

        Como é importante sabermos e sentirmos que Jesus Cristo é poder!
        Ele mesmo diz em (Mat. 28:18) “E, chegando-se Jesus, falou-lhes, dizendo: É-me dado todo o poder no céu e na terra”, (Marcelo Ribeiro de Oliveira. Bíblia Sagrada Versão Digital 6.7 Freewere, marcelo@blasterbit.com, 2014). Isto Ele falou para os seus discípulos, dias após a sua ressurreição.
        Ele havia curado tantos de enfermidades incuráveis em seus dias. Restaurou membros atrofiados. Paralítico que não andava ha 38 anos. Multiplicou pão e peixe. Transformou água em vinho. Andou sobre as águas. Ressuscitou mortos.
        Jesus Cristo não é só poder, Ele é todo o poder. Só pode afirmar isso quem já experimentou o poder do Senhor Jesus Cristo agindo em sua vida, que é o meu caso e é o caso do Apóstolo Paulo Também, conforme ele diz em (Ef. 1:19) “E qual a sobre-excelente grandeza do seu poder sobre nós, os que cremos, segundo a operação da força do seu poder”, (Marcelo Ribeiro de Oliveira. Bíblia Sagrada Versão Digital 6.7 Freewere, marcelo@blasterbit.com, 2014).
         Destaquemos as palavras do texto acima: "sobre-excelente grandeza do seu poder". Significa o poder que ultrapassa, que excede, que sobressai a qualquer poder. E a "força do seu poder", (Marcelo Ribeiro de Oliveira. Bíblia Sagrada Versão Digital 6.7 Freewere, marcelo@blasterbit.com, 2014). Não é só força e nem só poder, é um jogo de palavras para afirmar sobre o poder sem igual! Sobrenatural! Comunal!
        O Apóstolo Paulo sentiu o poder sobrenatural do Senhor Jesus Cristo em sua vida, quando de sua conversão, indo para a cidade de Damasco, capital da Síria que existe até hoje e expressou isso de maneira magistral no texto acima.
        Como eu gostaria de ver todas as pessoas experimentando, sentindo e desfrutando do poder sobrenatural do Senhor Jesus Cristo em suas vidas; com certeza estaríamos vivendo em um mundo melhor. As pessoas seriam mais felizes. Teríamos mais segurança. Menos violência. Menos desentendimentos. Menos pessoas mortas física e espiritualmente.
        Experimente o poder sobrenatural e transformador de Jesus Cristo em sua vida, crendo de todo o seu coração e O aceitando como o seu salvador. Não procrastine mais uma decisão tão importante para a sua vida, bem como para a sua família que talvez esteja esperando por isso há tanto tempo!

         Pr Flávio da Cunha Guimarães.
1 - Marcelo Ribeiro de Oliveira. Bíblia Sagrada Versão Digital 6.7 Freewere, marcelo@blasterbit.com

2 - RIENECKER, Fritz e Cleon Rogers. Cheve Linguistica do Novo Testamento Grego. Trad. De Gordon Chown e Júlio Paulo T. Zabatiero. 1985, Ed. Sociedade Religiosa Edições Vida Nova, São Paulo, 639 p. p. 388.

SEGUE A CRISTO QUEM QUISER.

MAT. 16:24-27
        “24 Então disse Jesus aos seus discípulos: Se alguém quiser vir após mim, renuncie-se a si mesmo, tome sobre si a sua cruz, e siga-me; 25 Porque aquele que quiser salvar a sua vida, perdê-la-á, e quem perder a sua vida por amor de mim, achá-la-á. 26 Pois que aproveita ao homem ganhar o mundo inteiro, se perder a sua alma? Ou que dará o homem em recompensa da sua alma? 27 Porque o Filho do homem virá na glória de seu Pai, com os seus anjos; e então dará a cada um segundo as suas obras”.

        SEGUE A CRISTO QUEM QUISER.

        NINGUÉM É OBRIGADO SEGUIR A CRISTO!
        Seguir a Cristo é um ato voluntário e espontâneo.
        “Disse” e continua dizendo a nós, este é o sentido no grego. “Se alguém quiser vir após mim...”
        Segue quem quiser. Se não quiser, não é problema de Jesus Cristo, é problema nosso, seu e meu!
        Mas, se voluntariamente quiser seguir a Cristo, a condição é: “renuncie-se a si mesmo”, negue-se a si mesmo. O sentido no grego é negar a própria personalidade para incorporar a personalidade de Cristo em nós.
        O negar-se a si mesmo, significa o abandono completo do desejo natural de buscar conforto, fama e poder. O negar-se a si mesmo na língua original tem uma ação continua, isso significa ainda, hoje, que é preciso negarmos a nós mesmos se queremos seguir a Cristo. É um ato totalmente altruísta.
        O que é altruísmo? É o ato de Amor ao próximo; filantropia; desprendimento, abnegação.
        Jesus Cristo quer que sigamos a Ele por amor e somente por amor! Em resposta ao seu amor por nós demonstrado na cruz do Calvário. E não por o que Ele nos dará, principalmente os que estão interessados na prosperidade!
        Tem muita gente por aí nas igrejas porque quer receber bênçãos, curas, milagres, revelações, prosperidade, riquezas e etc. Não é isso que Jesus Cristo está dizendo aos discípulos.
        Seguir é um imperativo. Seguir após Cristo como discípulo DELE.
        Quem quiser vir após Mim não é seguir uma instituição como uma religião, uma igreja ou uma seita.
        Não é seguir um líder humano, um pastor, um fundador de alguma religião ou seita, por muito que seja carismático, como Confúcio, fundador do confucionismo; Moisés, fundador do judaísmo; Maomé, fundador da religião Muçulmana; Alan Kardec, fundador do Espiritismo; Reverendo Moon, fundador da igreja da Unificação; Ellen White, fundadora do Adventismo; Charles Taze Russell, fundador dos Testemunhas de Jeová.
        Jesus Cristo está dizendo que é para seguir a Ele. Ser discípulo DELE. Ser discípulo de Jesus Cristo é ser um aprendiz; é ser um aluno que quer fazer igual ao seu Mestre.
        O discípulo de Cristo é ligado a Ele de corpo e alma, pois Ele passa habitar no discípulo através de seu Espírito Santo.
        Ele diz: “Tome sobre si a sua cruz”.
        Tomar a cruz significa obedecer a Jesus Cristo. Identificar-se com Ele, e até à morte!

        O (V. 25) diz: “Porque aquele que quiser salvar a sua vida”. Aquele é qualquer um, qualquer pessoa.
        “Porque aquele que quiser salvar a sua vida”. O verbo salvar tem o sentido contínuo: quem quiser salvar e continuar salvando pelos seus esforços ou méritos, pelas boas obras, o que acontecerá? Perdê-la-á!
        Mas quem estiver disposto(a) perder a sua vida por causa de Cristo, por amor à Jesus, a achará, a ganhará.
        Tem muita gente que pensa que ser discípulo de Cristo, seguir a Jesus, ser crente é perder a vida, pois perderá, pensam assim, os prazeres do mundo. É um tremendo engano quem pensa desse jeitoQuem vereda pelos vícios é que perde a sua vida, e ainda atormenta a vida dos familiares!

        O (V. 26) diz: “Pois que aproveita ao homem ganhar o mundo inteiro, se perder a sua alma?”
        Ganhar significa beneficiar, lucrar que o sentido na língua original é de uma ação contínua. O que na verdade não está ganhando, mas Perderá e sofrerá continuamente.

        “Se perder a sua alma?”. O que é alma?
        É o psique; o âmago da personalidade; parte espiritual do ser humano; vida, vigor, animação, gênio, temperamento, inteligência, vontade.
        A pergunta de Jesus é enfática: “Ou que dará o homem em recompensa da sua alma?”
        Tem aqueles que dão fazendas, pela vida. Dão fortunas para manter a vida.      Mas pela a salvação da alma, não tem o que dar, tem que renunciar o eu, o mundo com suas concupiscência e seu Glamour para receber a salvação, a vida eterna.
        A salvação não tem preço para o homem. Não podemos pagar pela a salvação. Não podemos compra-la. É o que diz o (Sal. 49:6-8) “Aqueles que confiam na sua fazenda, e se gloriam na multidão das suas riquezas, Nenhum deles de modo algum pode remir a seu irmão, ou dar a Deus o resgate dele, (Pois a redenção da sua alma é caríssima, e cessará para sempre)”.
        A salvação se consegue com a entrega da vida ao Senhor Jesus. É a única coisa a ser feita e que O Senhor Jesus Cristo quer. Quem entrega a sua vida a Jesus Cristo receberá a recompensa, que é a eternidade com Deus.

        O (V.27) diz: “Dará a cada um segundo as suas obras”.
        Se de fé; se de santificação; se de amar ao Senhor Jesus, se de ganhar vidas para Cristo, se for honrar o nome do Senhor, com certeza o Céu, o Paraíso, o perdão, a salvação eterna com Deus é a recompensa, e que recompensa, é a maior de todas!
        “Seguir a Jesus Cristo exige um novo rumo na vida, que precisa ser: 1 – Um ato espontâneo e voluntário. 2 – Em direção a Jesus Cristo; 3 – Com renúncia do eu próprio; 4 – Até a morte”. (SHEDD, Vida Nova, 1978, p.26).
        Você vai encarar? Vamos encarar?

         PR. FLÁVIO DA CUNHA GUIMARÃES

         Você poderá gostar também de: 

        Bibliografia:
1 - Bíblia de Estudo de Genebra. São Paulo e Barueri. Cultura Cristã e Sociedade Bíblica do Brasil, 1999, 1728 p.
2 - Bíblia Vida Nova. Traduzida por João Ferreira de Almeida. Editora: S. R. Edições Vida Nova, 2ª Ed. 1978, São Paulo.
3 - BOYER, Orlando S. Pequena Enciclopédia Bíblica. 7ª Ed. Editora Vida, Miami Flórida USA, 665 p.
4 - Bíblia de Promessas. Tradução João Ferreira de Almeida. RC. 2ª Edição, Co-edição JUERP e King's Cross Publicações, 2009.
5 - RIENECKER, Fritz e Cleon Rogers. Cheve Linguistica do Novo Testamento Grego. Trad. De Gordon Chown e Júlio Paulo T. Zabatiero. 1985, Ed. Sociedade Religiosa Edições Vida Nova, São Paulo, 639 p.

6 - Marcelo Ribeiro de Oliveira. Bíblia Sagrada Versão Digital 6.7 Freewere, marcelo@blasterbit.com

"BANDA RESGATE RASGA O VERBO SOBRE DECADÊNCIA DA MÚSICA GOSPEL"

https://www.youtube.com/watch?v=35HhVkdrkRo
VALE APENAS OUVIR, CRITICAR, DELIBERAR E DECIDIR. MUITO BOM A ENTREVISTA. NÃO DEIXE DE OUVIR, OK!
VOCÊ PODERÁ GOSTAR TAMBÉM DE: http://adoradorajoyce.blogspot.com.br/

Nosso Deus Rei do Universo Vou deixar na Cruz O maior troféu Sou um altar Futuro glorioso Eu mato...
YOUTUBE.COM

"QUEBRANTADO CORAÇÃO"



        Ouvindo a mensagem musical da Fernanda Brum, que tem como título: "Quebrantado Coração", fiquei a meditar: O que vem a ser um “Quebrantado Coração”? Cheguei a algumas conclusões:
        1 - O texto de (II Cron. 7:14) descreve bem o que é um quebrantado coração, quando diz: “E se o meu povo, que se chama pelo meu nome, se humilhar, e orar, e buscar a minha face e se converter dos seus maus caminhos, então eu ouvirei dos céus, e perdoarei os seus pecados, e sararei a sua terra”. O texto descreve, e muito bem, o que é um quebrantado Coração.
        Quebrantado, de acordo com o dicionário Aurélio, online (2014) significa: “Debilitado”, “abatido”, “extenuado”, “Prejudicado”, “lesado”, “Que sofreu revés”.
        O sentido melhor aqui é abatido, humilde, dependente do Senhor. É o reconhecer voluntariamente que dependemos do Senhor Jesus 24 h por dia, todos os dias.
        Coração. É considerado como a sede dos sentimentos, das emoções, da consciência, do Caráter, da índole, do feitio, do Amor, do afeto, da Coragem e do ânimo.
        Um quebrantado coração, portanto, agrada ao Senhor Jeová como vemos no (Sal. 51:17) que diz: “Os sacrifícios para Deus são o espírito quebrantado; a um coração quebrantado e contrito não desprezarás, ó Deus”.

        2 - Como estamos precisando de um coração quebrantado e contrito, para pedir ao Senhor que mande chuva, muita chuva, para encher os rios, as represas, os açudes, os reservatórios que abastecem as cidades, para produzir alimento, cana para açúcar e álcool, para que os trabalhadores não percam seus empregos, bem como o custo de vida possa diminuir.
        Quem sabe o Senhor Jesus está permitindo esta seca tremenda, a falta de água para o povo entender, que depende mais DELE, para viver, do que tem admitido.
        O que as autoridades, os canais de comunicações e o povão, em geral, não reconhecem!
        Tem muita gente achando que não precisa do Senhor para viver. Sinto muito, mas ninguém vive se o Senhor não permitir. Não der vida e mantê-la. É bom reconhecermos isso, e já!
        A vida é um dom de Deus! E Ele a dá por amor, e somente, pelo seu grande amor! Pense nisso!

        Pr Flávio da Cunha Guimarães


        Você poderá gostar também de: http://faroldoreino.blogspot.com.br