Versículo do Momento

LEIA A BÍBLIA

janeiro 28, 2015

SÁBIAS ESCOLHAS: ESCOLHER A VIDA



        SÁBIAS ESCOLHAS: ESCOLHER A VIDA

        O texto de (Deut. 30:19-20) diz: “Os céus e a terra tomo hoje por testemunhas contra vós, de que te tenho proposto a vida e a morte, a bênção e a maldição; escolhe pois a vida, para que vivas, tu e a tua descendência, Amando ao SENHOR teu Deus, dando ouvidos à sua voz, e achegando-te a ele; pois ele é a tua vida, e o prolongamento dos teus dias; para que fiques na terra que o SENHOR jurou a teus pais, a Abraão, a Isaque, e a Jacó, que lhes havia de dar”.

        Não nascemos sabendo fazer as nossas escolhas. Alguém faziam as escolhas por nós, que em geral são os nossos pais. Se fizeram bem ou mal não está em discussão aqui. Todavia, chegou um tempo que passamos a fazer as nossas próprias escolhas: O que vestir, aonde ir, com quem ir, o que comer, o que não comer, que curso e qual universidade fazer; com quem casar, não casar com ninguém. Enfim, fazemos nossas escolhas todos os dias o dia inteiro. Se depois de adulto alguém ainda faz as nossas escolhas, algo está errado com essa pessoa. Deus está propondo e aconselhando escolher a vida; mas tem muita gente que está escolhendo morrer e morrer aos poucos, nos vícios e morrer sem salvação, que é a morte eterna!

        NOSSAS ESCOLHAS NO REINO ESPIRITUAL

        No reino espiritual não é diferente dos demais reinos. Todos os dias temos que fazer as nossas escolhas. Ao fazermos as nossas escolhas, ainda que com as melhores das intenções, todavia não estamos isentos, nem livres de erros. Os erros e acertos, fazem parte das nossas vidas que somos seres vivos; que temos que tomar decisões enquanto aqui vivemos, visto que temos o livre arbítrio, somos independentes quanto à vontade, seres racionais para tomarmos nossas decisões, sem nos esquecermos, porém, que a vontade de Deus é soberana, boa, agradável e perfeita para nós. Portanto, na hora de escolher precisamos levar em consideração a vontade do Senhor Jesus Cristo para as nossas vidas.
        Ao meditarmos com você, querido(a) leitor ou leitora, não temos a intenção de dizer que você está certo(a), errado(a) ou ensiná-los fórmulas mágicas para que tome todas as decisões certas de sua vida. Isso seria pretensão demais de nossa parte. Por outro lado, queremos, sim, trazer reflexões sobre o que o Senhor Deus fala, em sua Palavra sobre as nossas escolhas.

        No reino espiritual, a vida para com o Senhor Jeová, não existe meio termo. Meia vontade. Meia decisão. Meio salvo(a). Meio perdido ou meio condenado. Meio Céu ou meio Inferno. Não existe desfrutarmos do Céu e do Inferno simultaneamente ou ao mesmo tempo. Esta é uma escolha que temos que fazê-la enquanto aqui vivermos.

        O texto lido no início de (Deut. 30:19) é claro quanto o que o Senhor Deus quer de cada um de nós; dezenas de outros textos, bem como o hebraico, a língua original do Antigo Testamento, não deixa margem ou dúvidas para meios termos.
        O Senhor diz: “Os céus e a terra tomo hoje por testemunhas contra vós, de que te tenho proposto a vida e a morte, a bênção e a maldição; escolhe pois a vida, para que vivas, tu e a tua descendência”.

        Este texto precisa ser colocado em seu contexto, isto é, levando em consideração os versículos antes e depois dele, que é (Deut. 30:11-20).

        EM PRIMEIRO LUGAR: Nossas escolhas no reino espiritual passam pela eliminação das desculpas. Os (V.11-14) dizem: “Porque este mandamento, que hoje te ordeno, não te é encoberto, e tampouco está longe de ti. Não está nos céus, para dizeres: Quem subirá por nós aos céus, que no-lo traga, e no-lo faça ouvir, para que o cumpramos? Nem tampouco está além do mar, para dizeres: Quem passará por nós além do mar, para que no-lo traga, e no-lo faça ouvir, para que o cumpramos? Porque esta palavra está mui perto de ti, na tua boca, e no teu coração, para a cumprires”.

        O Senhor Deus deixa bem claro, para o seu povo, através de seu profeta, Moisés, que os mandamentos do Senhor não são difíceis de se cumprirem, nem longe que não possam alcança-los. Os mandamentos estavam e estão na boca e no coração do povo. Não havia desculpas para o povo hebreu, como não há desculpas de nossa parte para com Deus, mesmo porque, o Senhor Deus não dá desculpas da parte DELE para nós. Ele cumpre tudo o que promete e sua Palavra não volta vazia, é o que o Senhor Deus diz em (Is. 55:11) “Assim será a minha palavra, que sair da minha boca; ela não voltará para mim vazia, antes fará o que me apraz, e prosperará naquilo para que a enviei”. Mas as pessoas, em geral, arranjam tantas desculpas para o Evangelho do Senhor, para com a Igreja Senhor, e para o Senhor, cabeça da Igreja.

        Podemos citar algumas desculpas mais comuns:

        PRIMEIRA DESCULPA: “A Bíblia é muito difícil para entende-la.” Se não a entende, pede alguém para torna-la entendida para você. Alguém que é bacharel em teologia. Que formou em um seminário.

        SEGUNDA DESCULPA: “Igreja nenhuma presta. Todas tem defeitos!” É verdade! Todas as igrejas tem defeitos. As igrejas tem defeitos porque elas são compostas de pessoas cheias de defeitos como você, eu e todos nós. Por isso que o Evangelho diz em (Mat. 9:12) “Jesus, porém, ouvindo, disse-lhes: Não necessitam de médico os sãos, mas, sim, os doentes”.
        A Igreja de Jesus Cristo é o hospital para que os doentes, espirituais, sejam tratados com o Médico dos médicos. Enquanto não são curados, continuarão sendo tratados na Igreja.
        Não demos desculpas, busquemos uma igreja, frequentando-a, para sabermos fazer as nossas escolhas espirituais conforme a orientação do Senhor Jesus. As desculpas não mudam a nossa situação diante do Senhor, não traz salvação para nós. Pelo contrário, distancia-nos cada vez mais do Senhor Jesus Cristo. Quem pode, em alta voz, dizer que não tem defeitos e pecados?
        O texto que está em (Jo. 8:1-11) relata o pecado de adultério de uma mulher, que a pena era de morte, em que os líderes religiosos judeus trouxeram para J C julgá-la e dependendo do parecer de Jesus Cristo, o julgado e condenado seria Ele. Diante do episódio, Jesus Cristo desafiou os líderes religiosos que se achavam sem pecados, que fosse o primeiro atirar, jogar a pedra para matar a mulher. Saiu um por um, a começar pelos mais idosos, até ficarem somente Jesus Cristo e a pecadora. Logo, entendemos que todos se achavam pecadores. Portanto, os defeitos das igreja são os nossos defeitos que fazemos parte delas.

        A TERCEIRA DESCULPA: “A igreja fica longe.” Já ouvi essa desculpa aqui em Pereira Barreto. Que desculpa mais esfarrapada, mais fajuta! Jesus Cristo andava centenas de km para pregar o Reino de Deus. Os nossos antepassados andavam à pé ou de charrete, dezenas de km das fazendas e sítios para virem à Igreja, aqui em Pereira Barreto. Hoje as pessoas tem carro, moram na cidade e acham longe irem a igreja dentro da cidade. O nosso conselhos para essas pessoas é: Arranjem outra desculpa, se é que há desculpas para Deus, porque esta não cola.

        A QUARTA DESCULPA: “A igreja é fria, não tem revelações.” Fria mesma está a nossa vida sem salvação, sem a eternidade com o Senhor Jesus Cristo, que esquentará no fogo do inferno. Igreja fria, é igreja onde os pecados são praticados livremente como sendo normal; e três deles são: A infidelidade para com o Senhor; a fofocada da vida alheia e os pecados que tentam abafar, esconder da igreja, o que não conseguem esconder do Senhor Jesus Cristo.

        Quanto as revelações, para mim bastam duas, diante de tantas:

        A – A maior de todas, Jesus Cristo encarnado, como nos diz (Heb. 1:1-3) “Havendo Deus antigamente falado muitas vezes, e de muitas maneiras, aos pais, pelos profetas, a nós falou-nos nestes últimos dias pelo Filho, A quem constituiu herdeiro de tudo, por quem fez também o mundo. O qual, sendo o resplendor da sua glória, e a expressa imagem da sua pessoa, e sustentando todas as coisas pela palavra do seu poder, havendo feito por si mesmo a purificação dos nossos pecados, assentou-se à destra da majestade nas alturas”. A maior, a principal e a mais importantes de todas as revelações, Jesus Cristo.

        B – Eu não preciso de reveladas feitas por pessoas com vida espiritual duvidosa, às vezes. Para mim basta o que a Palavra de Deus nos revela. Ao ler a Palavra de Deus Ela revela toda a nossa vida pecaminosa que aborrece ao Senhor Jesus. Jesus Cristo e sua Palavra são as revelações das revelações. Quer saber como está a sua vida e não a dos outros, leia a Palavra.

        A QUINTA DESCULPA: “As igrejas pedem dinheiro.”
        É verdade! Mas nem todas as igrejas pedem dinheiro de maneira abusiva como algumas pedem. A Igreja Católica também pede. A Rede Globo pede. O S B T (Sistema de Brasileiro de Televisão pede dinheiro. A L B V (Legião da Boa Vontade) também pede. O Rotary Club pede. A Maçonaria, se tem tesoureiro é porque lida com dinheiro. Os donos de botecos e traficantes, não pedem dinheiro, arrancam o dinheiro da mão de muitos oferecendo produtos que destrói a vida das pessoas que são usuárias e dos familiares também! Os governos arrancam o nosso dinheiro através de impostos exorbitantes e fazem a farra na corrupção. Por que que as igrejas não podem pedir e ter dinheiro? Será que os ensinamentos do Evangelho são piores do que os ensinamentos da corrupção? Do que a maldita bebida alcoólica? A desgraçada devasta que as drogas fazem na vida dos usuários e dos familiares?
        Essa quinta desculpa há preconceitos, e fortes, contra as Igrejas Evangélicas! Por que só as Igrejas são motivos de contestação? Quantas organizações citadas acima que pedem dinheiro e não são contestadas? Pense nisso! Raciocina! Mude a maneira de pensar! Não dê desculpas, busque uma igreja, frequente a igreja para saber fazer as suas escolhas espirituais conforme a orientação do Senhor Deus. Paremos de dar desculpas, principalmente para o Senhor Jesus que morreu por nós, para nos salvar da condenação eterna. Vá para a Igreja de Jesus Cristo hoje. Faça isso enquanto ainda há tempo. Escolhe a vida eterna com o Senhor Deus.




       Pr Flávio da Cunha Guimarães

       Bibliografia

2 Bíblia de Estudo de Genebra. São Paulo e Barueri. Cultura Cristã e Sociedade Bíblica do Brasil, 1999, 1728 p.
5 Bíblia de Promessas. Tradução João Ferreira de Almeida. RC. 2ª Edição, Co-edição JUERP e King's Cross Publicações, 2009.
3 Bíblia Vida Nova. Traduzida por João Ferreira de Almeida. Editora: S. R. Edições Vida Nova, 2ª Ed. 1978, São Paulo.
4 BOYER, Orlando S. Pequena Enciclopédia Bíblica. 7ª Ed. Editora Vida, Miami Flórida USA, 665 p.
1 HARRIS, R. Laird; Gleason L. Archer Junior e Bruce K. Waltke. Dicionário Internacional de Teologia do Antigo Testamento. Tradução de Márcio Loureiro Redondo; Luiz A. T. Sayão e Carlos Osvaldo C. Pinto. 2008, Ed. Vida Nova, São Paulo, 1789 p, p. 235.
7 OLIVEIRA, Marcelo Ribeiro de. Bíblia Sagrada Versão Digital 6.7 Freewere. 2014. Disponível em: < http://www.baixaki.com.br/download/a-biblia-sagrada-versao-digital.htm>. Acesso em: 28 Jan. 2015.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

FALE CONOSCO

Nome:


Email:


Assunto:


Mensagem:


PAZ VERDADEIRA SÓ EM JESUS! Jo. 14:27 "Deixo-vos a paz, a minha paz vos dou..."