Versículo do Momento

LEIA A BÍBLIA

dezembro 24, 2012

O NATAL EM BELÉM.

O nosso texto está em (Luc. 2:1-7) - "E aconteceu naqueles dias que saiu um decreto da parte de César Augusto, para que todo o mundo se alistasse, (Este primeiro alistamento foi feito sendo Quirino presidente da Síria). E todos iam alistar-se, cada um à sua própria cidade. E subiu também José da Galiléia, da cidade de Nazaré, à Judéia, à cidade de Davi, chamada Belém (porque era da casa e família de Davi), A fim de alistar-se com Maria, sua esposa, que estava grávida. E aconteceu que, estando eles ali, se cumpriram os dias em que ela havia de dar à luz. E deu à luz a seu filho primogênito, e envolveu-o em panos, e deitou-o numa manjedoura, porque não havia lugar para eles na estalagem". O NATAL EM BELÉM. ALGUMAS CURIOSIDADES SOBRE O NATAL. Os Protestantes, bem como os católicos comemoram o Natal, o nascimento de Jesus Cristo no dia 25 de Dezembro. A Igreja Ortodoxa que predomina parte da Ásia, o Leste Europeu e a Rússia comemora o Natal no dia 6 de Janeiro. já o Cristianismo na Armênia, a Armênia é um país que fica na Ásia, ao Leste da Turquia, com a qual faz fronteira; bem como com o Irã, com a Geórgia e com o Azerbajão, comemora o nascimento de Jesus Cristo no dia 16 de Janeiro. O Cristianismo foi difundido na Armênia desde o I Século d C. Quem anunciou o Cristianismo na Armênia foram os Apóstolos Judas Tadeu e Bartolomeu, entre os anos 40 e 60 d C, diz a história. Outra curiosidade: A primeira vez que celebrou o Natal em 25 de dezembro, foi o Catolicismo, em Roma, no ano 325 d C. O NATAL EM BELÉM! Para que o Natal acontecesse em Belém, José e Maria viajaram da cidade de Nazaré da Galileia, a Belém da Judéia, mais ou menos 150 km devido a um decreto do Imperador que a Bíblia fala que era César Augusto, que na verdade é: Caio Júlio César Otávio Augusto, nascido em 23 de setembro de 63 a C, e faleceu em 19 de agosto de 14 d C), primeiro imperador romano. As pessoas hoje viajam centenas até milhares de kms, para passar o Natal em família. Não tenho nada contra. Isso é bom. É maravilhoso. É louvável! O meu questionamento é que viajam, não pelas mesmas razões de José, Maria e os pastores. As razões que diferem o porque viajam, foram e são muito diferentes do Natal de nossas cidades; de nossas casas e de nossas vidas. Lá por razões políticas, todavia acima de tudo, pelas providências e razões divinas. Em Belém não houve luxo, compras, banquete, comilança, bebedeira. J C nasceu em uma estrebaria, em uma manjedoura, porque não havia lugar nos hotéis para eles. Hoje as pessoas querem viver no luxo, roupa nova, carro novo, ostentação, farra e esbanjamento. Hoje, o Natal para a maioria, não passa de um encontro social para comer, beber, farrear até esbaldar e exibir seus pertences novos. Esse não é o verdadeiro espírito de Natal da cidade de Belém, de dois mil anos atrás. O verdadeiro espírito de natal está no que aconteceu também ao redor de Belém. Um anjo apareceu para os pastores trazendo a boa noticia do nascimento do Salva-dor, é o que está em (Lc. 2:8-11) "Ora, havia naquela mesma comarca pastores que estavam no campo, e guardavam, durante as vigílias da noite, o seu rebanho. E eis que o anjo do Senhor veio sobre eles, e a glória do Senhor os cercou de resplendor, e tiveram grande te-mor. E o anjo lhes disse: Não temais, porque eis aqui vos trago novas de grande alegria, que será para todo o povo: Pois, na cidade de Davi, vos nasceu hoje o Salvador, que é Cristo, o Senhor". O verdadeiro Natal é a manifestação da glória do Sr aos pastores, anunciando o nasci-mento do Salvador, que Cristo, o Sr. Os pastores não falaram de outra coisa a não ser o que viram e ouviram, a mensagem dos anjos. O Natal de nossos dias não se falará do Salvador, que é Cristo, o Sr; se falará do Coríntias como campeão do mundo. Esse será o as-sunto dos encontros. Com uma doze de zombaria, de sarro e esnobe para com as demais torcidas. Ao redor de Belém se viu a glória do Sr. No Natal de nossos dias se verá olhos vermelhos tomados pelo alcoolismo. Olhos vermelhos palas lágrimas de tristeza por causa da embriaguez e em alguns casos confusão. Ao redor de Belém se ouviu os louvores dos anjos a Deus Pai. Em nossos dias se ouvirá os gritos dos que brigam por causa do alcoolismo, ou os gritos por causa da alegria provocada pela bebida, alegria efêmera, passageira e falsa. Ao redor de Belém se ouviu a mensagem de paz entre os homens de boa vontade vinda do Sr através dos anjos aos pastores. O que veremos em nossos dias é Guerra de som entre vizinhos. Guerra entre familiares que aproveitam a família reunida para lavar a roupa suja. Guerra entre facções; entre gangues; entre tribos urbanas no acerto de contas. Mortes nas estradas como se fosse numa guerra, por causa da mistura de direção e bebida. O Natal em Belém serviu de divulgação do que os pastores viram e ouviram a mensagem angelical. O que os deixou admirados, alegres e felizes. Serviu para a meditação de todos. Serviu para glorificar a Deus, (Luc. 2:17-20). E para nós, o Natal está servindo para que? Eu quero que sirva para cada pecador perdido, o momento de encontrar a salvação no único Salvador, que é Cristo, o Senhor! Amem. Deixe Jesus Cristo nascer em sua vida, em seu coração, e sua vida será Natal todos os dias, amém! Eu quero, de coração aberto, diante do Sr, desejar um Natal muito especial, cheio de saúde, de vitórias, de paz, de felicidade, repleto pelas bênçãos do Sr sobre a vida de cada ouvinte e de cada familiar. Que possamos ver o Natal, não como uma oportunidade de reunirmos socialmente com os familiares e amigos, mas como uma oportunidade que o Sr nos dá para a salvação eterna em seu Filho. Que possamos entender que a pessoa mais importante no Natal é o aniversariante do dia, que é o Senhor Jesus Cristo. Entendermos que quem deve receber o melhor presente é o Sr J C; e o melhor presente que podemos Lhe dar é a nossa própria vida a Ele, amém! Pr Flávio da Cunha Guimarães. Bibliografia; 1 - BOYER, Orlando S. Pequena Enciclopédia Bíblica. 7ª Ed. Editora Vida, Miami Flórida USA, 665 p. 2 - Marcelo Ribeiro de Oliveira. Bíblia Sagrada Versão Digital 6.7 Freewere, marcelo@blasterbit.com 3 - http://pt.wikipedia.org/wiki/Natal, 19/12/2012.

setembro 28, 2012

HOJE QUERO FALAR SOBRE O SEU VOTO!

No próximo domingo, dia 07/10/2012, das 08:00 às 17:00h, os aptos a votar terão que comparecer a sua zona eleitoral para votarem. Em não o fazendo terão que justificar ou serão multados por não votarem. Quero destacar alguns pontos que considero importantes para os eleitores: Em Primeiro Lugar: Quero lhe dizer que você deve votar, não porque será penalizado com uma multa, ou terá que justificar posteriormente o porquê não votou. Você deve votar por três razões: 1ª Razão: Para exercer o seu direito de cidadania. 2ª Razão: Se você não votar no candidato que você entende que melhor há de representá-lo na Câmara dos vereadores e na prefeitura de sua cidade, outros votarão em candidatos que defenderão os interesses deles, o que talvez você não queira que esses candidatos estejam lá, porque não hão de representá-lo com os seus ideais. 3ª Razão: Vote pensando e por amor aos seus descendentes que desfrutarão no futuro de nossas decisões acertadas hoje. Eu já tenho idade e experiência suficientes para entender que desde vereadores até aos deputados e senadores, existem alguns que são eleitos para defenderem os seus próprios interesses, para defenderem os interesses de grupos, como é o caso da bancada dos deputados e senadores ruralistas que lutaram contra a aprovação de itens do Código Florestal. Em Segundo Lugar quero lhes falar das Características de Seu Voto: O seu voto é intransferível. Isto é, ninguém pode votar por você. Uma vez votando em um candidato, esse voto não será transferido para outro. O seu voto tem que ser livre. Você vota em quem você quiser. Mas por favor, não vote em quem não tem condições, não tem vocações para exercer um mandato. Tire de sua mente a ideia perniciosa de votar em candidato que vai ganhar para não perder o seu voto. Vote por convicção. Não ceda as pressões, as chantagens, as manipulações ou os Constrangimentos. O seu voto é confidencial. É inegociável. É sem preço. Não venda; não troque o seu voto, por favor, nenhum. Por cesta básica; por um saco de cimento. Por promessas de favorecimentos pessoais. Quando se lutou para aprovar a “Lei da Ficha Limpa” para os candidatos, ela vale também para os eleitores, para que votem de maneira limpa. O ato de votar, não é só apertar as teclas, os números de um candidato em uma urna. No ato de votar você está demonstrando a sua índole; o seu caráter; a sua ética; a sua vida moral e sua dignidade. Estas coisas não se vendem; não se compram; não se troca por favores; não tem preço. Não vote em partido; vote no candidato que tem vida moral comprovada. Que tem compromisso com a sociedade em geral. Que reúne condições para fazer leis ou administrar. Que quer estar na Câmara ou na prefeitura, não pelo salário que receberá; não pelos benefícios de ajuda de custo, verba de gabinete, ou porque pretende ser prefeito, deputado futuramente. Vote no candidato que quer beneficiar realmente o povo como um todo. Vote no candidato que tem personalidade, que não se corromperá quando chegar ao poder. Porque estou dando estas recomendações aos queridos ouvintes? Em Terceiro Lugar porque quero abordar o aspecto que poucos conhecem do ponto de vista bíblico. Ao elegermos os vereadores e o prefeito, estamos constituindo-os como autoridades sobre nós. A Bíblia recomenda em (Rom. 13:1-7) que devemos nos submeter às autoridades constituídas. Vejamos o que diz o texto de (Rm. 13:1-7): “Toda a alma esteja sujeita às potestades superiores; porque não há potestade que não venha de Deus; e as potestades que há foram ordenadas por Deus. Por isso quem resiste à potestade resiste à ordenação de Deus; e os que resistem trarão sobre si mesmos a condenação. Porque os magistrados não são terror para as boas obras, mas para as más. Queres tu, pois, não temer a potestade? Faze o bem, e terás louvor dela. Porque ela é ministro de Deus para teu bem. Mas, se fizeres o mal, teme, pois não traz debalde a espada; porque é ministro de Deus, e vingador para castigar o que faz o mal. Portanto é necessário que lhe estejais sujeitos, não somente pelo castigo, mas também pela consciência. Por esta razão também pagais tributos, porque são ministros de Deus, atendendo sempre a isto mesmo. Portanto, dai a cada um o que deveis: a quem tributo, tributo; a quem imposto, imposto; a quem temor, temor; a quem honra, honra”. O texto é claro quanto a autoridade sobre nós. Há um outro texto bíblico, em (I Tm. 2:1-2) que recomenda o seguinte: “Admoesto-te, pois, antes de tudo, que se façam deprecações, orações, intercessões, e ações de graças, por todos os homens; Pelos reis, e por todos os que estão em eminência, para que tenhamos uma vida quieta e sossegada, em toda a piedade e honestidade”. Eu não quero constituir autoridade sobre mim que não corresponde com os meus anseios, que é de servir a toda à população. Quando alguma autoridade se torna corrupta, o que para mim é pecado, cabe a nós contestarmos, discordarmos e denunciarmos o pecado. Chamando a autoridade ao arrependimento. Bem como a qualquer cidadão comum. Como ministros da Palavra de Deus, temos a autoridade dada por Deus para exortamos as autoridades ao arrependimento. Em Quarto Lugar e ultimo: Que bom se todos os candidatos fossem realmente tementes a Deus. Teríamos mais benefícios do que temos. Enquanto isso não acontece votemos naqueles que melhor sintonizam com os nossos ideais. Enquanto pensamos em quem votar vamos orar para pedir a orientação do Senhor. Pr Flávio da Cunha Guimarães Você poderá interessar-se pelo Blog: http://odomperfeito.blogspot.com

setembro 24, 2012

RESTAURAÇÃO

É o ato de fazer as coisas voltarem ao estado normal. Reparar o que foi estragado ou quebrado. É reparar. É renovar. Será que há algumas coisas em nossas vidas que precisam ser restauradas? Como o Senhor precisa restaurar nossa saúde física! Nossa saúde espiritual! Nosso relacionamento familiar! Nossa vida conjugal! Nossos sentimentos! O nosso amor pelo o Senhor e sua obra! O meu desejo sincero de coração é que Deus esteja restaurando tudo em nossas vidas que estão quebrados, desmontados e fora do lugar! Peça ao Senhor para restaurar as coisas que precisam ser restauradas em sua vida, o Senhor há de restaurar, eu tenho certeza disso! E você? Pense no que Deus precisa restaurar em sua vida e chame-O para fazer isso. Procrastinar ou adiar é a demonstração de que não está sendo sincero(a) para consigo mesmo, para com os familiares e para com Deus. Confia como o salmista, (Sal. 19:7 e 80:3). Pr Flávio da Cunha Guimarães.

setembro 18, 2012

VENCENDO DESAFIOS (PARTE II)

Em (Jos. 1:9) a Palavra de Deus diz: “Não to mandei eu? Esforça-te, e tem bom ânimo; não temas, nem te espantes; porque o Senhor teu Deus é contigo, por onde quer que andares”. (Obs: Não estaremos expondo o texto acima. Ele foi usado como meio de motivação). No primeiro domingo de agosto nós meditamos sobre a primeira parte deste tema: Vencendo Desafios que já foi postado. O Primeiro Grande Desafio – O desafio da preparação para o mercado de trabalho. No dia 05/08/2012, falamos da desigualdade para quem estuda em escolas públicas em relação a quem estuda em escolas particulares. Todavia, analisando esta questão, concluímos que, a grande dificuldade não está só na desigualdade nos estudos, mas em dois fatores que queremos esclarecer, que são eles: 1 – Para quem quer vencer na vida, o estudar em escolas públicas não é impedimento ou desculpa aceitável. As minhas filhas estudaram em escolas públicas. Ambas estão empregadas. Entendo que em bons empregos. Uma já fez faculdade, a outra é técnica em enfermagem. Vencer os grandes desafios está relacionado aos estudos, mas também, principalmente a estrutura, o suporte familiar. Os fracassados não tem estrutura familiar. Os bens sucedidos tem uma família melhor estruturada onde há diálogo, se conversa, há conscientização dos filhos quanto ao futuro deles. O Incentivo. O Investir o quanto pode na preparação dos filhos. Meus queridos invistam em sua família; invistam em seus filhos; dê suporte moral, espiritual que o material vem como bênção do Senhor. Só vence os desafios os que querem vencer e os que têm uma família estruturada como suporte. Pense nisso! 2 – Vencer os Desafios vai depender do querer de cada um. O querer de uma parcela muito grande dos jovens, até mesmo de adultos, é balada; é curtir a vida; é viver numa boa; é fazer filhos sem responsabilidade em sustentá-los, criá-los e educá-los. Não querem trabalho. Querem emprego. Querem salários. Querem dinheiro fácil. Conhecemos, eu e você vários que estudaram em escolas e faculdades particulares que não viraram nada. Por outro lado conhecemos muitos que estudaram em escolas públicas que são bem sucedidos porque quiseram, buscaram, se esforçaram. Estava conversando com uma irmã em Cristo, amiga de Vitória ES, domingo dia 09/ 09/2012, ela me dizia da situação de alguns jovens, adolescentes e juniores da igreja que já chegaram à juventude. Jovens que pararam de estudar, no ensino médio sem motivo para parar. Outros começaram a faculdade, mas trancaram o curso. Alguns destes, solteiros, todavia com filhos nos braços. Não estão pensando; não estão preocupados com o futuro. Quero crer que este não é o seu caso querido(a) leitor, leitora. Para vencer na vida. Para ser alguém bem sucedido(a) é preciso querer. É preciso ir à luta. Pare de reclamar da vida! De dar desculpas! De culpar alguém! Vá à luta! Busque o estudo, o trabalho! Lute! O que você pode fazer por si mesmo, Deus não moverá uma palha por você. Todavia, Deus vendo sua incapacidade, seu esforço, sua dedicação, seu empenho, sua sinceridade, servindo-O de coaração; vendo sua fé no Senhor, Deus moverá o céu inteiro em seu favor. Ele abrirá portas que estavam fachadas para você. Eu creio nisso! Você crê que Deus pode todas as coisas? (Is 43:13) é claríssimo! 2º – O Segundo Grande Desafio – O Desafio de se conseguir as Vagas no Mercado de Trabalho. O que tratamos no dia 05/08/2012, que o trabalho mecanizado está substituindo o trabalho braçal. Isso é verdade, é real! Mas isso não é desculpa também para que você não vá à luta, ao estudo, em busca de trabalho. É preciso buscar outras qualificações. Cursos para dirigir as máquinas, por exemplo. Mudar de atividades. De ramo. O ser humano é mutável, é adaptável. Busque novas oportunidades. Novas áreas. O que não pode acontecer é ficar de braços cruzados esperando as oportunidades caindo do céu. Ou Deus enviando um anjo para dizer a você que precisa mudar de atividade. Use a inteligência que o Senhor lhe deu. Vá em frente. Não espere acontecer. Faça acontecer. Se não consegue um bom emprego, um bom salário de inicio; comece trabalhando no que achar. Depois prove a sua capacidade. Se esforce para conseguir promoções ou um trabalho melhor. Faça a sua parte. Busque o Senhor e Ele lhe honrará. Amém! Hoje ficaremos por aqui, mas não terminamos o conteúdo. Pense no que leu e decida ser alguém, principalmente para o Senhor. Não resista o poder, o agir de Deus em sua vida. Pr Flávio da Cunha Guimarães Obvs: Você poderá interessar-se também pelos Blogs: http://odomperfeito.blogspot.com e http://fotoslindasdeflores.arteblog.com.br

VENCENDO DESAFIOS (PARTE I)

4º – O Quarto Grande Desafio – O Desafio de não se deixar Deteriorar com os vícios, com as drogas que tanto influenciam, que tanto têm destruído vidas e famílias. Como dizer não as drogas, se elas são atraentes, o ópio, a utopia das gerações atuais? Gerações que precisam fugir de seus próprios problemas; preencher o vazio que há em suas vidas; que precisam aparecer e ser alguém em uma sociedade que massifica com estilos, modelos e exemplos exótocos! Com o ópio, com a utopia quero dizer da necessidade que a maioria da juventude tem de se iludir, de se entorpecer para fugir da dura realidade da vida atual, dos problemas familiares que enfrentam. Jovens sem personalidade que não conseguem encarar a vida como ela é. Jovens sem perspectivas de um futuro melhor, pois não estudaram, não estão estudando e não querem estudar. Não se prepararam, não estão se preparando e não querem se preparar para um trabalho, um concurso público etc. Estão buscando nas drogas a fuga de uma vida sem futuro; fugirem de si mesmos; estão se metendo num abismo que para a maioria é sem volta. Abismo esse que só percebem quando nele caem os desavisados, os aventureiros, os rebeldes, os desobedientes que sofrem e fazem os familiares sofrerem. 5º – O Quinto Grande Desafio – O Desafio de Serem Santos num sistema corrompido que exerce todas as formas de influencias, de pressão, de discriminação aos cristãos verdadeiros. Diante de tais influências o jovem acaba cedendo, praticando todo o tipo de licenciosidade. O apelo de Deus ao seu coração é não ceder ao apelo da sociedade, ao pecado. Seja fiel ao Senhor. Lute. Resista. Diga não ao pecado. Ao inimigo de nossas vidas. 6º – O Sexto Grande Desafio, para concluir – É viver com Cristo num mundo que baniu Cristo, baniu ou distorceu os seus valores. Você que lê essas linhas está desafiado(a) a viver o estilo de vida de Cristo. Qual é o estilo de vida de Cristo? O estilo de vida de Cristo é de santificação, isto é, separado da corrupção do mundo para viver para o Senhor. Estamos no mundo, mas não pertencemos a este sistema, é o que diz o Senhor Jesus Cristo em (Jo. 15:19), “Se vós fôsseis do mundo, o mundo amaria o que era seu, mas porque não sois do mundo, antes eu vos escolhi do mundo, por isso é que o mundo vos odeia”. Pertencemos ao Senhor que nos comprou, que nos resgatou pelo seu sangue derramado na cruz como nos diz (At. 20:28) “Olhai, pois, por vós, e por todo o rebanho sobre que o Espírito Santo vos constituiu bispos, para apascentardes a igreja de Deus, que ele resgatou com seu próprio sangue”. A você, jovem, quero desafiar a viver em Cristo, por Cristo e para Cristo. O texto que lemos no início diz que você já venceu o Maligno. Que você é forte e que Deus permanece em você. Cristo precisa de seu bom testemunho, de sua vida no altar do Senhor. Pense em todos os desafios da vida. Decide agora viver pelo o Senhor, com o Senhor e no Senhor. Este é o maior de todos os desafios. Pr Flávio da Cunha Guimarães. Você poderá interessar-se também pelos blogs: http://odomperfeito.blogspot.com e http://fotoslindasdeflores.arteblog.com.br

agosto 27, 2012

TRÊS COISAS QUE DEUS NÃO CONHECE!

TRÊS COISAS QUE DEUS NÃO CONHECE!

Pastor Flávio da Cunha Guimarães

1 – A PRIMEIRA COISA QUE DEUS NÃO CONHECE É A EXISTÊNCIA DE OUTRO deus!

Em (Is. 45:5) o Próprio Deus diz que não conhece outro deus, quando diz: “Eu Sou o Senhor, e não há Outro; fora de Mim não há Deus”. Deus é único. Só Ele; tão somente Ele. Os homens no decorrer da história têm criado os seus deuses para substituir o Deus Todo Poderoso. Deuses que podem ser manipulados, chantageados. No Egito inventaram o deus Boi Apis. Na Grécia inventaram os deuses Zeus e Júpiter. Na Babilônia inventaram o deus Bel ou Marduque. Na Pérsia inventaram o deus Masda, o criador do mundo, para eles. Na Índia todos os animais são sagrados, são deuses, divindades. Cada país, cada cidade tem o seu deus, o seu protetor; e Pereira Barreto não é diferente. Os grandes homens de Deus, como Davi, reconhecia que há um só Deus Todo Poderoso. É o que vemos em (II Sam. 7:22) quando diz: Portanto, grandioso és, ó Senhor Deus, porque não há semelhante a ti, e não há outro Deus senão tu só, segundo tudo o que temos ouvido com os nossos ouvidos. Existem ídolos fabricados, criados pelas mãos dos homens como afirma o Próprio Deus em (Is. 44:14-19), texto muito interessante que diz: “Quando corta para si cedros, toma, também, o cipreste e o carvalho; assim escolhe dentre as árvores do bosque; planta um olmeiro, e a chuva o faz crescer. Então serve ao homem para queimar; e toma deles, e se aquenta, e os acende, e coze o pão; também faz um deus, e se prostra diante dele; também fabrica uma imagem de escultura, e ajoelha-se diante dela. Metade dele queima no fogo, com a outra metade prepara a carne para comer, assa-a e farta-se dela; também se aquenta, e diz: Ora já me aquentei, já vi o fogo. Então do resto faz um deus, uma imagem de escultura; ajoelha-se diante dela, e se inclina, e roga-lhe, e diz: Livra-me, porquanto tu és o meu deus. Nada sabem, nem entendem; porque tapou os olhos para que não vejam, e os seus corações para que não entendam. E nenhum deles cai em si, e já não têm conhecimento nem entendimento para dizer: Metade queimei no fogo, e cozi pão sobre as suas brasas, assei sobre elas carne, e a comi; e faria eu do resto uma abominação? Ajoelhar-me-ei ao que saiu de uma árvore?” Deus reafirma que é o Único Deus em (Is. 45:7,12 e Is. 46: 9C) “Eu sou Deus, e não há outro; Eu sou Deus, e não há outro semelhante a mim”. Sinto muito em desapontar alguns, mas o que dizem por aí sobre santos, ídolos, imagens, deuses não passam de mitos, de lendas, de histórias. Deus só o Senhor criador dos céus e da terra.

2 – A SEGUNDA COISA QUE DEUS NÃO CONHECE É UM HOMEM SE QUER SEM PECADO!

O Próprio Deus diz em (Rom. 3:23): “Porque todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus”, (Rom. 3:23), e não está isolado na Bíblia. Em (Ecles. 7:20) também diz: “Na verdade que não há homem justo sobre a terra, que faça o bem, e nunca peque”. Não houve, não há e não haverá homem justo na terra. O único justo que aqui viveu, Jesus Cristo, morreu pelos injustos. (I Jo. 1:8,10) reforça a verdade que todos os homens são pecadores, se não vejamos: “Se dissermos que não temos pecado, enganamo-nos a nós mesmos, e não há verdade em nós... Se dissermos que não pecamos, fazemo-lo mentiroso, e a sua palavra não está em nós”. Todavia, há religião que afirma que seu líder não tem pecado! Que até pode perdoar pecados! Isso contraria a Bíblia! Isso, sim, que é blasfêmia! O único que pode perdoar pecados é Deus, Jesus Cristo. É o que diz (Mat. 9:6): “Ora, para que saibais que o Filho do homem tem na terra autoridade para perdoar pecados (disse então ao paralítico): Levanta-te, toma a tua cama, e vai para tua casa”. O homem do Século XXI não quer ouvir que é pecador. Que está perdido. Que precisa do Senhor Jesus para perdoar os seus pecados, salvá-lo, dar-lhe a vida eterna com Deus. O homem moderno acha-se ser ele um deus! Se é um deus, logo, não é pecador. Os movimentos Nova Era, uma ala da psicologia querem nos convencer que o pecado não existe. Que o pecado é fantasia da mente, que é uma questão psicológica, mental, um mal estar da alma. Simplesmente isso! Todavia, além da prova bíblica que o pecado existe, é real, queremos apresentar mais três provas de que o pecado é real como é real a morte:

1 – O Primeiro Exemplo é a morte. (Rom. 6: 23) fala que ela é o salário do pecado.

2 – O Segundo Exemplo: O mal que há dentro de cada ser humano, ainda que demonstre ser muito bom. (Rom. 7:19) diz: “Pois não faço o bem que quero, mas o mal que não quero, esse pratico”.

3 – O Terceiro Exemplo: A violência, os sequestros, os homicídios, a pedofilia, a corrupção tão enraizadas no coração dos seres humanos são as evidências externas que o pecado existe dentro de cada um de nós. Você poderá perguntar: Então não há esperança para o ser humano?! Sim! Há esperança, desde que reconheça que é pecador; que se arrepende de seus pecados; faça confissão a Deus; aceite a Cristo como seu salvador para se tornar uma nova criatura em Cristo Jesus, como nos diz (II Cor. 5:17) – “Se alguém está...” Em (I Jo. 3:8) diz: “Quem comete pecado é do Diabo; porque o Diabo peca desde o principio. Para isto o Filho de Deus se manifestou para destruir as obras do Diabo”. Você já convidou Jesus Cristo para destruir a obra do diabo em nossas vidas? Eu já convidei.

3 – A TERCEIRA COISA QUE DEUS NÃO CONHECE É OUTRO MEIO DE SALVAÇÃO, A NÃO SER POR JESUS CRISTO. No Evangelho de Jesus Cristo que João escreveu, (Jo. 14:6) diz: “Disse-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim”. O que é confirmado em (At. 4:12) “E em nenhum outro há salvação, porque também debaixo do céu nenhum outro nome há, dado entre os homens, pelo qual devamos ser salvos”. Os homens, as religiões têm apresentado alternativas diversas para a salvação. As boas obras, a caridade, a reencarnação, a própria religião, os sacrifícios, os Sacramentos, Maria etc, etc e etc. Por outro lado, a Bíblia apresenta uma só solução: Jesus Cristo. Além dos textos acima, temos (I Tim. 2:5) “Porque há um só Deus, e um só Mediador entre Deus e os homens, Cristo Jesus, homem”. Os judeus não reconheceram essa verdade, por isso rejeitaram a Jesus, (Jo. 1:11) “Veio para o que era seu, e os seus não O receberam”. O que não tem sido diferente em nossos dias, a maioria não tem reconhecido Jesus Cristo como o Único salvador. Foi o Único que morreu em uma cruz para nos salvar. Quanto a salvação indicamos o link O PAI NOSSO É UMA ORAÇÃO UNIVERSAL PARA SER RECITADA?

PARA CONCLUIR:

O que você vai fazer com essas três verdades? Não há outro Deus além do que a Bíblia apresenta. Todos os homens são pecadores, portanto estão perdidos. Só Jesus Cristo pode salvar, ninguém mais. Portanto, só há uma resposta de sua parte: Aceitar ou recusar! Eu quero que você aceite Jesus Cristo como o seu Único salvador.

Consulte também o blog: HTTP:ODOMPERFEITO.BLOGSPOT.COM

Bibliografia:

1 - HARRIS, R. Laird; Gleason L. Archer Junior e Bruce K. Waltke. Dicionário Internacional de Teologia do Antigo Testamento. Tradução de Márcio Loureiro Redondo; Luiz A. T. Sayão e Carlos Osvaldo C. Pinto. 2008, Ed. Vida Nova, São Paulo, 1789 p, p. 235.
2 - Bíblia de Estudo de Genebra. São Paulo e Barueri. Cultura Cristã e Sociedade Bíblica do Brasil, 1999, 1728 p.
3 - Bíblia Vida Nova. Traduzida por João Ferreira de Almeida. Editora: S. R. Edições Vida Nova, 2ª Ed. 1978, São Paulo.
4 - BOYER, Orlando S. Pequena Enciclopédia Bíblica. 7ª Ed. Editora Vida, Miami Flórida USA, 665 p.
5 - Bíblia de Promessas. Tradução João Ferreira de Almeida. RC. 2ª Edição, Co-edição JUERP e King's Cross Publicações, 2009.
6 - RIENECKER, Fritz e Cleon Rogers. Cheve Linguistica do Novo Testamento Grego. Trad. De Gordon Chown e Júlio Paulo T. Zabatiero. 1985, Ed. Sociedade Religiosa Edições Vida Nova, São Paulo, 639 p.
7 - Marcelo Ribeiro de Oliveira. Bíblia Sagrada Versão Digital 6.7 Freewere, marcelo@blasterbit.com

agosto 20, 2012

“NÃO É TARDE DE MAIS”

A música gospel da Cassiane que tem como título: “NÃO É TARDE DE MAIS”, cabe uma boa reflexão sobre a mesma. Enquanto vivemos, não é tarde de mais para pensar sobre a vida em que estamos vivendo; se agrada ou desagrada ao Deus soberano ou não. Não é tarde de mais para repensar alguns conceitos sobre a vida com Deus na escola, no trabalho, nas amizades, na sociedade, na Igreja e em família. Não é tarde de mais analisar se agradamos ou não à família que nos ama, quer o nosso bem, o melhor para nós, que amamos. Não é tarde de mais para mudar o caráter, os maus hábitos, os maus costumes, os vícios, o gênio mau que tanto afetam a família, os irmãos em Cristo e até os amigos. Enquanto vivemos, nunca é tarde de mais para mudar o rumo da vida; de uma vida infeliz para uma vida feliz. De uma vida vazia, sem sentido, sem propósito para uma vida cheia de esperança, de planos, de projetos para a realização pessoal, familiar e para com o Reino do Senhor. Não é tarde de mais para buscar a santificação, uma vida separada e comprometida com o Senhor, o que Ele quer de cada um de nós. Enquanto vivemos, não é tarde de mais para corrigirmos a rota da vida, os que estão caminhando para a condenação eterna, para a vida eterna fora do paraíso, sem a presença do Senhor Jesus Cristo. Pense nisso! Convide o Senhor Jesus Cristo para mudar a sua maneira de ser, de viver, de se relacionar de um modo geral, de tratar a sua família; tratar as coisas de Deus. Pergunte para a sua família se ela está feliz com você vivendo a vida que vive. Sejamos corajosos, o bastante, para encararmos a realidade, a verdade em que vive em família. Você está feliz? A sua família está feliz com você vivendo essa vida que você mesmo reprova? Não é tarde de mais para mudar! O Senhor pode nos ajudar a mudar o que nós mesmos não podemos mudar. Assuma o propósito de mudar enquanto ainda há tempo. E o tempo é agora! Deus nos abençoe, nos dê tempo, oportunidade, coragem e nos ajude a mudar. Pr Flávio da Cunha Guimarães. Visite também o Blog: HTTP://ODOMPERFEITO.BLOGSPOT.COM

agosto 14, 2012

UM PAI AMIGO DE DEUS!

Em (Is. 41:8) o Senhor diz assim: “Porém tu, ó Israel, servo meu, tu Jacó, a quem elegi descendência de Abraão, meu amigo”. Queremos afirmar que este texto não está isolado. Existem pelo menos mais dois textos dizendo de Abraão como amigo de Deus, que são eles (II Cron. 20:7 e Tg. 2:23). Quem é esse pai amigo de Deus? Esse pai é Abraão que significa “Pai de uma grande multidão” 1. Realmente Abraão veio ser pai de uma grande multidão, cumprindo assim, tanto o significado do nome, bem como a promessa de Deus feita a ele em (Gn. 15:3-5). De Abraão descendeu dois povos, numerosos. De Ismael veio os ismaelitas, que hoje são os árabes, berço de Maomé, dos Mulçumanos. E de Isaque, depois Jacó, descendeu os hebreus, os israelitas, hoje os judeus, berço do Judaísmo. Quais as razões que levaram Abraão a ser um pai amigo de Deus? Abraão se tornou um pai amigo de Deus em... 1 – PRIMEIRO LUGAR: PORQUE FOI UM HOMEM DE FÉ. Em (Gn. 15:6) diz: “E creu ele no Senhor, e imputou-lhe isto por justiça”. Atitudes que demonstram a fé de Abraão. Atendeu o chamado de Deus deixando sua terra, seus parentes, seus familiares, seus amigos para ir a uma região desconhecida, estranha mediante a promessa de Deus, (Gn. 12). Por isso Deus imputou-lhe a justiça divina. A palavra Imputar significa atribuir a alguém. Pagar determinada dívida. Deduzir um valor de outro. Mediante o crer de Abraão em Deus, Deus atribuiu a Abraão o perdão de seus pecados. Já cremos o suficiente em Jesus Cristo a ponto de sentirmos a segurança que o Senhor já perdoou os nossos pecados? Quais são as nossas atitudes que tem demonstrado que temos fé em Jesus Cristo? A Mensagem de João, o Batista em (Mt. 3:8) aos pecadores de seus dias é a seguinte: “Produzi, pois, frutos dignos de arrependimento”. Se não somos capazes de deixar os pecados deste mundo traiçoeiro para viver para o Senhor Jesus Cristo, não somos dignos dele, é o que o Próprio Jesus Cristo diz em (Mt. 10:37-38): “Quem ama o pai ou a mãe mais do que a mim não é digno de mim; e quem ama o filho ou a filha mais do que a mim não é digno de mim. E quem não toma a sua cruz, e não segue após mim, não é digno de mim”. Abraão se tornou um pai amigo de Deus em... 2 – SEGUNDO LUGAR: PORQUE TEMIA AO SR. COMO CONSEQUÊNCIA ADORAVA AO SR. Em (Gn. 12:7-8) diz: “E apareceu o Senhor a Abrão, e disse: À tua descendência darei esta terra. E edificou ali um altar ao Senhor, que lhe aparecera. E moveu-se dali para a montanha do lado oriental de Betel, e armou a sua tenda, tendo Betel ao ocidente, e Ai ao oriente; e edificou ali um altar ao Senhor, e invocou o nome do Senhor”. Além do texto acima, temos (Gn. 13:18) que fala dele levantando altar a Deus. Cada lugar que Abraão chegava, ele construía um altar para adorar ao Senhor. O temor ao Senhor leva automaticamente a adoração. Abraão era um verdadeiro adorador. Daí ser amigo de Deus. Você, eu, nós podemos ser amigos de Deus. Para isso é só termos disposição em adorar. Um povo ou uma pessoa que não se dispõe adorar ao Senhor, ao invés de ser amigo de Deus, torna-se inimigo do Senhor. Todavia, eu e você não queremos ser inimigos de deus, pois a Palavra do Sr nos diz em (Heb. 10:31): “Horrenda coisa é cair nas mãos do Deus vivo”. Abraão se tornou um pai amigo de Deus em... 3 – TERCEIRO LUGAR: POR SER UM HOSPEDEIRO NATO. Abraão era tão hospedeiro que em (Gn. 18: 1-16) diz que ele hospedou três anjos em sua casa. O V.2 diz que Abraão quando viu os três anjos vindo em sua direção, ele correu ao encontro deles, sem saber a princípio que se tratavam de anjos. Além de hospedar, ele ofereceu um excelente banquete. É bem verdade que, a hospedagem hoje de desconhecidos, é um tanto perigosa, visto que há tantos maus intencionados querendo entrar em nossas casas. Hoje a maioria de nós corre para longe daqueles que precisam de hospedagem. É por isso que o Evangelho do Senhor Jesus Cristo precisa fazer parte verdadeiramente da vida das pessoas, para que arranque essa maldade dos nossos corações. Aí, sim, o povo de Deus possa hospedar aqueles que são de Deus como Abraão o fazia. Assim como Abraão hospedou os anjos do Senhor, (os anjos vieram em forma humana, o que se chama, teofania), precisamos hospedar o Senhor Jesus Cristo em nossas vidas como o nosso único e eterno salvador. Abraão se tornou um pai amigo de Deus em... 4 – QUARTO LUGAR: POR SER UM INTERCESSOR FERVOROSO. Em (Gn. 18:23-32 e 19:29 nos diz o quanto Abraão intercedeu pela não destruição de Sodoma e Gomorra. Eu creio que Deus ainda não destruiu tudo o que existe aqui, como nos diz a sua palavra em (II Pe. 3:10): “Mas o dia do Senhor virá como o ladrão de noite; no qual os céus passarão com grande estrondo, e os elementos, ardendo, se desfarão, e a terra, e as obras que nela há, se queimarão”, porque ainda há muitos Cristãos fiéis intercedendo pela salvação de muitos que estão perdidos. Se você ainda não intercede pela salvação de vidas, que possa fazer isso a partir de hoje. Abraão se tornou um pai amigo de Deus em... 5 – EM QUINTO LUGAR E ULTIMO: APESAR DAS FALHAS DELE, ELE ERA FIEL AO SENOR. Suas falhas: Teve medo de ser morto, (12: 12). Por ter medo, mentiu algumas vezes; fez com que sua esposa Sara mentisse também, (Gn. 12:13; 20:2). Teve dúvidas como nós, (Gn. 15:8), todavia, foi fiel em outros aspectos para com o Senhor, (Gal. 3:9). Quando o Senhor lhe pediu o seu filho em sacrifício, não duvidou em oferecê-lo, (Gn. 22) relata os fatos, o que Deus não o permitiu, enviando-lhe uma ovelha para o sacrifício. Você e eu podemos ser pais amigos de Deus como Abraão o foi, apesar de nossas falhas, se tivermos as qualidades que Abraão teve: Ele foi um pai de fé. Foi um pai adorador. Foi um pai hospedeiro nato. Foi um pai intercessor fervoroso. Foi um pai fiel ao Senhor. Que sejamos filhos de Deus como o Pai Supremo daqueles que creem e aceitam a Jesus Cristo como salvador, AMÉM!
PR FLÁVIO DA CUNHA GUIMARÃES DÊ UMA PASSADA PELO BLOG: HTTP://ODOMPERFEITO.BLOGSPOT.COM
 Bibliografia:
1 – BOYER, Orlando S. Pequena Enciclopédia Bíblica. 7ª Ed. Editora Vida, Miami Flórida USA, 665 p. 2 2 - Bíblia de Estudo de Genebra. São Paulo e Barueri. Cultura Cristã e Sociedade Bíblica do Brasil, 1999, 1728 p.
3 - Bíblia Vida Nova. Traduzida por João Ferreira de Almeida. Editora: S. R. Edições Vida Nova, 2ª Ed. 1978, São Paulo. Marcelo Ribeiro de Oliveira.
4 - Bíblia Sagrada Versão Digital 6.7 Freewere, marcelo@blasterbit.com

agosto 10, 2012

VENCENDO DESAFIOS!

I JO. 2:13-14. No mês de agosto, nós, os Batistas, comemoramos o mês da juventude. Por isto, nesta manhã me propus falar sobre: Vencer Desafios. Os jovens, atuais, têm enfrentado muitos e grandes desafios. 1 – O Primeiro e Grande Desafio – O desafio da preparação ideal para o mercado de trabalho. Os que dependeram das escolas públicas até o ensino médio, não têm o mesmo preparo que os das escolas particulares tem. Por isso, vemos uma injustiça tremendo; os que estudaram nas escolas públicas, que não puderam pagar um curso pré-vestibular para se prepararem melhor, para passarem em um vestibular nas Universidades Públicas; se querem fazer uma universidade, tem que pagar, sem poder, uma universidade particular. Já os alunos que estudaram nas escolas particulares até o ensino média, que puderam fazer um pré-vestibular, passaram nas universidades públicas; exatamente esses que deveriam estar nas universidades particulares, pois podem pagar a mesma. Há uma inversão: As universidades particulares com alunos de escolas públicas, os que podem pagar, com muito sacrifício. As universidades públicas com alunos de escolas particulares, exatamente os que poderiam pagar uma universidade particular. O que fazer para mudar essa realidade? Algumas medidas já se têm tomado, todavia, ainda muito tímidas para resolver este problema. Este é o Primeiro e Grande Desafio que os jovens têm que vencer. 2 – O Segundo e Grande Desafio – O Desafio das Vagas no Mercado de Trabalho. Tem sido difícil conseguir um emprego por alguns motivos: A – Com o advento das máquinas cada vez mais substituindo a mão de obra do homem; B – Com uma concorrência cada vez maior de pessoas a procura de trabalho; C – Com pouco crescimento da economia brasileira e mundial; D – Com o aumento dos encargos sociais, impostos que fazem com que às empresas contratem menos, fica cada vez mais difícil conseguir uma vaga no mercado de trabalho, um emprego. Daí que tantos trabalham como autônomos ou na situação informal. Este é o Segundo e Grande Desafio que os jovens têm que vencer. Conseguirem emprego, aqueles que querem trabalhar, porque infelizmente há muitos que não querem trabalhar. Querem viver à custa dos pais, da mulher, amante etc. 3 – O Terceiro e Grande Desafio – O Desafio de ter uma Identidade. Não me refiro a uma Cédula de Documento, o RG. Refiro-me a identidade quanto à personalidade, o caráter, ao estilo de vida, as atitudes. Há uma sede, um desejo, uma busca intensa dos jovens, dos adolescentes, até pessoas da melhor idade, para serem diferentes, para terem o seu lugar ao sol, para aparecerem, para serem reconhecidos, para serem notados; ainda que sejam através de um comportamento estapafúrdio, exótico, esquizofrênico, quando na verdade não estão sendo diferentes coisa alguma; estão, na verdade, copiando modelos, modas, ondas que alguém lançou. Não conseguem perceber que são manipulados(as). Que estão sendo iguais aos que lançaram a moda, seja um grupo ou uma tribo; pois a sociedade está dividida assim. Querem ser diferentes, mas copiando alguém, o que já existe na sociedade. Que diferença é essa, se faz o que outros estão fazendo? Devemos ser diferentes, sim, mas do sistema corrupto, que é a nossa sociedade, para ser igual a Cristo numa sociedade que picha, que discrimina os que têm posição definida por Cristo e querem viver como o seu Senhor. A grande questão é: Com quem parecer? A quem imitar? A quem copiar? Que modelo seguir? Vivemos um pluralismo de estilos exóticos, estapafúrdios, esquizofrênicos, de mau caráter, de dupla personalidade. É só observar o que está acontecendo na sociedade. As pessoas estão vazias, perdidas, sem objetivos, sem propósitos em suas vidas. Por sermos pecadores, por natureza, escolhemos o estilo rebelde, o estilo desobediente a quem está acima de nós, à insubmissão, o rebelar-se. Onde ficou o estilo Santo? O comportamento, o caráter, a personalidade de Cristo que é o nosso modelo maior? Ficou nos escombros das gerações passadas, que não souberam separar o joio do trigo; nas consciências culpadas, torturadas dos pais diante do desastre de verem os filhos distantes do Senhor; por não seguirem os ensinamentos de Jesus Cristo, os filhos estão mergulhados num sistema que podemos chamá-lo de maligno, como nos diz a Bíblia em (I Jo. 5:19) que o mundo está no maligno, que tem feito tantas famílias sofrerem, ficarem envergonhadas diante do comportamentos de seus familiares, pais e irmãos. Pais que tiveram vergonha da falar de Cristo para os filhos, hoje amargam tristezas, remorso, culpa, profundas. Se este é o seu caso, quero lhe dizer que ainda é tempo de consertar os erros do passado. Busque a mudança, a transformação que vem de Cristo Jesus. Busque a salvação que só Jesus Cristo pode dar. Vá ao encontro de sua família. Peça perdão pelos erros. Vá para uma igreja, levando contigo a sua família. Seja um(a) vencedor(a). Em Cristo Jesus você vence os desafios! Amém!
Pr Flavio da Cunha Guimarães
VISITE TAMBÉM: HTTP://ODOMPERFEITO.BLOGSPOT.COM

julho 26, 2012

ASSENTANDO COM CRISTO EM SEU TRONO!

O texto é AP. 3:21 que diz: “Ao que vencer lhe concederei que se assente comigo no meu trono; assim como eu venci, e me assentei com meu Pai no seu trono”.
Temos alguns textos bíblicos que falam de assentar-se com Cristo em seu trono, que são eles: (Mat. 19: 28 e Ef. 2:6).
É um assunto que gera dúvidas. Quem vai assentar com Cristo em seu trono na glória?
A Bíblia é clara quando diz que não são todos os que vão assentar-se com Cristo em seu trono. Em (Mat. 22:14) J C diz: “Porque muitos são chamados, mas poucos escolhidos”.
Quero deixar claro biblicamente que só assentarão com Cristo em seu trono, em:
1 – PRIMEIRO LUGAR: Os que reconhecem, os que admitem que são pecadores, pois (Rm. 3: 23) diz: “Porque todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus”.
Já nascemos em pecado, o pecado original. Já nascemos condenados. Dizer que não somos pecadores, é negar a verdade, é chamar Deus de mentiroso, pois, é Ele quem diz que somos pecadores.
Quantos que não se acham pecadores. Coitados, estão cegos espiritualmente.

Assentarão com Cristo em seu trono em:
2 – SEGUNDO LUGAR: Os que se se arrependem de seus pecados, convertem-se a Cristo. (At. 3:19) diz: “Arrependei-vos, pois, e convertei-vos, para que sejam apagados os vossos pecados, de sorte que venham os tempos de refrigério, da presença do Senhor”.
Há duas palavras que quero destacar neste texto: Arrependei-vos e Convertei-vos.
ARREPENDIMENTO - Tem muita gente que confunde arrependimento com o reconhecimento de que errou. Arrependimento é mais do que reconhecer que errou. Arrependimento, não é só reconhecer que errou, que pecou. Arrependimento implica em confissão do pecado, que errou; assume o compromisso para com Deus que não vai cometer mais aquele pecado.
Se você está disposto(a) assumir esse compromisso com Deus, está dando um passo importante para assentar com Cristo em seu trono na glória.

A segunda palavra que quero destacar é:
CONVERTER – Tem muita gente confundindo conversão com aceitar os ensinos de uma religião. Aceitar os ensinamentos de uma religião não pode ser chamado de conversão. Conversão é mais profundo. Conversão é mudar de rumo. Conversão é transformação. Conversão é mudança de pensamentos, de atitudes. Conversão é nascer de novo. Conversão é ser nova criatura. Conversão é novo estilo de vida, o estilo de vida de Jesus Cristo.
Pense nisso que vou afirmar: Se aceitar os ensinos de uma instituição é conversão, você é convertido à escola, a faculdade que estuda, ao clube que é sócio, pois, tem um conjunto de ensinos, um estatuto; ao jornal que Lê, a TV que Vê.
Conversão é transformação de caráter, de personalidade, de emoções. Só J C pode transformar.

Assentarão com Cristo em seu trono em:
3 – TERCEIRO LUGAR: Os que creem, os que recebem a Jesus Cristo como único, como eterno salvador de suas vidas pessoais.
Ninguém pode fazer isso por você. Evangelho de Jesus Cristo que João escreveu, (Jo. 1:12) é claro: “Mas, a todos quantos O receberam, aos que creem no seu nome, deu-lhes o poder de se tornarem filhos de Deus”.
Quero destacar três palavras neste texto: Crer, receber e se tornar filho de Deus.
CRER: Crer é mais que entender. Crer é mais que se convencer. Crer é aceitar como verdade o que a razão, à ciência não tem explicação. Crer é admitir que não tem solução própria quanto a vida eterna, daí convidar o Sr J C para modificar o seu interior, dando-lhe essa esperança.

A SEGUNDA PALAVRA É RECEBER: A Bíblia é enfática quanto o receber a Cristo como salvador. Ela não diz receber Maria, Pedro, Paulo, João. A Bíblia não cogita ninguém como coautor da salvação com Jesus Cristo. A Bíblia (Jo. 14:6; At. 4:12 e I Tm 2:5-6) são claros, vamos ler: “Respondeu-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade, e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim. E em nenhum outro há salvação; porque debaixo do céu nenhum outro nome há, dado entre os homens, em que devamos ser salvos. Porque há um só Deus, e um só Mediador entre Deus e os homens, Cristo Jesus, homem, o qual se deu a si mesmo em resgate por todos”.

A TERCEIRA PALAVRA É UMA FRASE: SE TORNAR-SE FILHO DE DEUS: Há muita confusão quanto a isso. As pessoas insistem em dizer que todos são filhos de Deus, o que não é verdade. Todos são criaturas de Deus. Filhos de Deus só os que creem, os que recebem a J C como salvador. Se, se torna filho de Deus no momento que se crê, no momento que se recebe a Cristo, então, não era filho de Deus antes de crer, antes de receber.

Assentarão com Cristo em seu trono em:
4 – QUARTO LUGAR: Os que querem fazer a vontade do Senhor. A Bíblia em (Ef. 5:17) exorta a procurar fazer a vontade de Deus. Em (I Tes. 4:3) diz que a vontade de Deus é a santificação para a nossa vida. Em (I Jo. 2:17) afirma que quem faz a vontade de Deus permanece para sempre.
Você quer permanecer para sempre? Faça a vontade de Deus, crendo, recebendo a Cristo como salvador para ter o direito de assentar-se no trono de Jesus Cristo na sua glória.

PARA CONCLUIR:
Quero convidar você assentar-se no trono de Jesus Cristo com Ele dando os seguintes passos: Reconhecendo que é pecador; Arrependendo-se dos seus pecados, erros, falhas e convertendo à Cristo; Crendo em Cristo, O aceitando como o seu único e eterno salvador; e procurando fazer a vontade de Deus em sua vida. Você quer assentar com Cristo em seu Reino?

Pr Flávio da Cunha Guimarães

Bibliografia:
Rienecker, Fritz e Cleon Rogers. Cheve Linguistica do Novo Testamento Grego. Trad. De Gordon Chown e Júlio Paulo T. Zabatiero. 1985, Ed. Sociedade Religiosa Edições Vida Nova, São Paulo, 639 p.

Marcelo Ribeiro de Oliveira. Bíblia Sagrada Versão Digital 6.7 Freewere, marcelo@blasterbit.com



julho 19, 2012

"AUTOR DA MINHA FÉ"

Autor da minha fé é o título de um hino evangélico dos anos 80, do Grupo Logos, que tem uma mensagem linda e uma teologia correta, visto que a fé é dom de Deus. Somos completamente dependentes de Deus, até mesmo para crermos.
A fé é dada por Deus através do Espírito Santo, é o que diz (I Cor. 12:8-9a) “Porque a um pelo Espírito é dada a palavra da sabedoria; e a outro, pelo mesmo Espírito, a palavra da ciência; E a outro, pelo mesmo Espírito, a fé”. Fé essa que pode ser aumentada ou não. Os Apóstolos pediram para o Senhor que a fé deles fosse aumentada, acrescentada o que vemos em (Luc. 17:5) “Disse-ram então os apóstolos ao Senhor: Acrescenta-nos a fé", pois entenderam que ainda era pequena diante dos desafios que encontraram pela frente com um jovem epiléptico, lunático e endemoniado, (Mat. 17:15,18).
Falando de fé, como está a nossa fé? Grande ou pequena? Crescendo ou minguando? Nutrida ou desnutrida? Frutífera ou infrutífera?
A fé é dádiva do Senhor. A partir daí ela precisa ser alimentada pela Palavra de Deus, através da leitura, do estudo, sendo bom ouvinte; Através da oração, da frequência assídua a igreja. Através do exercício, trabalhando na obra do Senhor para que possa crescer mais e mais, sendo frutífira.
Você tem pedido ao Senhor para acrescentar a sua fé para que ela cresça, para que possa ser bênção na vida de muitos e no Reino do Senhor? Pense nisso!
Pr Flávio da Cunha Guimarães

julho 10, 2012

JESUS CRISTO MUDOU O MEU VIVER!

A mensagem musical de Aline Barros, Jesus Cristo Mudou o Meu Viver. Eu posso dizer, sem medo de errar, que Jesus Cristo Mudou Realmente o Meu Viver.
Eu vivia na farra. Na boemia. Uma vida pecaminosa, de aventuras, uma vida perigosa. Usei bebidas alcoólicas por vários anos, sem no entanto, tornar-me dependente. Experimentei droga uma só vez. Vivia na prostituição. Andava armado e mal intencionado. Buscava a felicidade, a alegria no que a sociedade oferecia, mas vivia um vazio interior constante.
Frequentava à igreja assiduamente, como muitos o fazem hoje, todavia não queria um compromisso com a igreja de Jesus Cristo; não queria um compromisso com o Evangelho de Jesus Cristo; não queria um compromisso com o Jesus Cristo da igreja e do Evangelho. Ia à igreja por ir. Para marcar a presença na mesma, achando que indo aos domingos a igreja, poderia pecar a semana inteira, pois no domingo seguinte seria perdoado, como muitos pensam hoje, o que é um tremendo engano. No entanto, o que sentia era um peso de consciência, o que muitos sentem hoje, porque sabia que estava querendo servir a dois senhores, agradar ao Senhor, mas ao mesmo tempo não abandonar os pecados; todavia satisfazer os meus desejos pecaminosos. Ainda pensava que Jesus Cristo devia concordar com o meu jeito de viver porque era a minha vontade, eram os meus desejos; além disso, eu fazia o favor a Ele de ir à igreja dele.
Estava na verdade, enganando a mim mesmo, porque ao Senhor ninguém engana. Foi nessa luta intima que o Espírito Santo foi falando ao meu coração, até que veio a minha conversão. O encontro com o Senhor, aleluia.
Esse encontro com o Senhor Jesus, transformou a minha vida de maneira radical. Jesus Cristo realmente Mudou o Meu Viver. Deixei essa vida Pecaminosa, para viver uma vida transformada pelo poder do Senhor e para o Senhor.
Vivia com medo do inferno, para agora viver a certeza da salvação; a certeza da vida eterna com o Senhor.
E você como tem vivido? Jesus Cristo já mudou o seu viver?
Hoje mesmo Ele pode transformar a sua vida. Convide Jesus Cristo a mudar a sua vida, o seu viver agora.
Pr Flávio da Cunha Guimarães.

julho 03, 2012

NA FORÇA DO SENHOR

Esta mensagem é para aqueles que estão sofrendo. Que estão entristecidos. Que estão desanimados. Que estão sem força até mesmo para pedir ao Senhor socorro. Que já lutaram com suas próprias forças, usando os seus próprios meios, todavia não conseguiram encontrar forças para saírem da situação em que estão. A Palavra do Senhor vai lhe dizer que é para entregar tudo a Deus, como nos diz o (Sal. 37:5) “Entrega o teu caminho ao SENHOR; confia nele, e tudo Ele o fará”. Deixe o Senhor agir em você e através de você. Qunado nós paramos de agir, com nossa teimosia, nos achamos no fundo do poço, sem recursos e desistimos de agir; aí o Sr começa agir em nós e através de nós, Amém!
Pr Flávio da Cunha Guimarães

junho 28, 2012

JESUS CRISTO LIBERTA

Estou convicto que Jesus Cristo tem poder para nos libertar de todo o mal, de todo o poder do maligno. Jesus Cristo liberta dos vícios da maldita bebida que tem desmontado famílias inteiras. Causado uma tristeza tão grande; causado confusões, fome, separações, brigas e até mortes. Jesus Cristo Liberta das malditas drogas que tem tirado o sossego, a paz de tantas famílias, levando os usuários a roubarem, a violentarem, a matarem para conseguir dinheiro para comprarem a maldita droga.
Jesus Cristo Liberta do mau caráter. Liberta da prostituição. Liberta da mentira. Liberta da ignorância. Liberta da incredulidade que são armas que o inimigo usa para escravizar as pessoas. A solução está em conhecer o Senhor Jesus Cristo pela fé como seu único salvador. Ele mesmo disse em (Jo. 8:32): “E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará”. Creia e aceite a Cristo como o seu salvador e liberte-se da escravidão de Satanás.

Pr Flávio da Cunha Guimarães

junho 22, 2012

ABRE O SEU CORAÇÃO PARA JESUS ENTRAR!

“Cristo abre a porta do céu para aqueles que abrem o seu coração para Ele”, Nosso Pão Diário, Janeiro-Março de 2.005.
Jesus Cristo afirma no livro de (Ap. 3:20) exatamente isso: “Eis que estou à porta, e bato; se alguém ouvir a minha voz, e abrir a porta, entrarei em sua casa, e com ele cearei, e ele comigo”.
Não é preciso um texto mais claro do que este, em que O Próprio Sr Jesus diz que Ele está à porta batendo, pedindo para entrar em nossas vidas para transformá-las e transformá-la para melhor, nos dando a eternidade com o Senhor. Pense nestas verdades enquanto ainda há tempo para abrir o seu coração para o Senhor. Deixa a luz do céu que é Jesus Cristo entrar. Ele mesmo diz em (Jo. 8:12) “Falou-lhes, pois, Jesus outra vez, dizendo: Eu sou a luz do mundo; quem me segue não andará em trevas, mas terá a luz da vida”. Tenha a vida eterna em Cristo Jesus.
Pr Flávio da Cunha Guimarães.

junho 09, 2012

CUIDA BEM DOS TEUS REBANHOS

CUIDA BEM DOS TEUS REBANHOS.

Pv. 27:23-24ª, 27-26 diz: “Procura conhecer o estado das tuas ovelhas; põe o teu coração sobre os teus rebanhos, Porque o tesouro não dura para sempre... Então os cordeiros serão para te vestires, e os bodes para o preço do campo; E a abastança do leite das cabras para o teu sustento, para sustento da tua casa e para sustento das tuas servas”.
Hoje se comemora o dia do Pr. Esse ser amado por uns, rejeitado por outros. Respeitado por alguns, zombado por outros. Elogiado por alguns, criticado por outros. Aceito por uns, recebe o preconceitos de outros. Aprovado por uns, reprovado por outros. Desonrado pelos homens, mas honrado e recompensado por Deus. Isso é ser Pr.
Você que é Pastor, não espere dos homens honra, admiração e recompensas, pois poderá ser decepcionado. Mas do Sr pode esperar tudo isso e muito mais, porque Deus é justo e fiel.
O Pr é chamado, vocacionado, preparado, enviado e sustentado por Deus. Não é a igreja que chama, que vocacional, que prepara, que envia e que sustenta; mas Deus. A igreja é apenas instrumento usada nas mãos de Deus.
O Pr está a serviço de Deus na igreja. O Sr é o Sr do Pastor, o patrão do Pr. Não é a igreja a Sra. do Pr. A patroa do pastor.
Há muitas igrejas equivocadas quanto a sua função para com o seu Pr. Achando ser a senhora, a dona, a patroa do Pr. Querendo dirigir o Pr.
Quem dirige a igreja, quem dirige o Pr, é o Sr. Por que a igreja não pode dirigir o Pr?
Porque a igreja é constituída de ovelhas. Ovelhas têm características próprias.
A ovelha é mansa. É branda de gênio. É sossegada. É calma. É serena. É tranquila. É pacífica. Sem defesa própria. Que precisa de direção.
Membros de igrejas sem essas características, não são ovelhas, mas bodes no meio das ovelhas, pondo as ovelhas a se perderem.

Bodes têm suas características próprias também.
É fedido. É Repentino. É Traiçoeiro. É Agressivo. É Marrento. Ataca com cabeçadas, chifradas.
O Pr precisa conhecer quais são as ovelhas. Quais são os bodes para separá-los. Saber lidar com cada um deles. O tratamento não é o mesmo.
Só saberá distinguir, separar, tratar das ovelhas se for Pr de verdade, pois os falsos profetas causam um prejuízo tremendo ao rebanho, é o que diz (Mt. 7:15-16ª) “Acautelai-vos, porém, dos falsos profetas, que vêm até vós vestidos como ovelhas, mas, interiormente, são lobos devoradores. Por seus frutos os conhecereis”.
Os falsos profetas podem ter mensagem atraente. Parecer verdadeira, mas ser falsa. Capciosa em que o tempo se encarregará de provar quem é quem.
Os falsos profetas tem como fruto a controvérsia, o que vemos em (I Tim. 1:3-4) “Como te roguei, quando parti para a Macedônia, que ficasses em Éfeso, para advertires a alguns, que não ensinem outra doutrina, Nem se deem a fábulas ou a genealogias intermináveis, que mais produzem questões do que edificação de Deus, que consiste na fé; assim o faço agora”.
Os falsos profetas promovem divisões, (I Tm. 6:3-5) “Se alguém ensina alguma outra doutrina, e se não conforma com as sãs palavras de nosso Senhor Jesus Cristo, e com a doutrina que é segundo a piedade, É soberbo, e nada sabe, mas delira acerca de questões e contendas de palavras, das quais nascem invejas, porfias, blasfêmias, ruins suspeitas, Contendas de homens corruptos de entendimento, e privados da verdade, cuidando que a piedade seja causa de ganho; aparta-te dos tais”.
Os falsos profetas destrói a fé (II Tm. 2:18) “Os quais se desviaram da verdade, dizendo que a ressurreição era já feita, e perverteram a fé de alguns”.
Os falsos profetas se autodestroem pela heresia que defendem e pregam, (II Pe. 2:1) “E Também houve entre o povo falsos profetas, como entre vós haverá também falsos doutores, que introduzirão encobertamente heresias de perdição, e negarão o Senhor que os resgatou, trazendo sobre si mesmos repentina perdição”.
Os falsos profetas são interesseiros e egoístas. Exploram o rebanho.
O verdadeiro Pr cuida bem do rebanho, das ovelhas.
(Pv. 27: 23-24ª) está na forma de mandamento. Mandamento se cumpre ou desobedece.
O verdadeiro Pr conhece as ovelhas. E só conhecendo que o mesmo poderá cuidar das ovelhas.
Em conhecendo as ovelhas, o Pr saberá se alguma ovelha está doente, com pragas, correndo perigo de vida, der ser presa fácil.
O Pr precisa cuidar bem do rebanho porque é do rebanho que vem as vestes para o Pr. Os casacos eram feitos da pele e da lã das ovelhas.
O Pr precisa cuidar bem do rebanho porque é do rebanho que vem o alimento para a vida do Pr e de sua família.
O Pr precisa cuidar bem do rebanho para que o rebanho possa crescer, enriquecendo o Reino do Sr.

Para finalizar:
Queremos falar aos irmãos que são ovelhas. Amem seu pastor. Valorize o seu pastor. Respeite o seu pastor. Ajude ao seu pastor. Honre o seu pastor. E obedeça ao seu pastor, como nos manda a Palavra de Deus em (Heb. 13:17) “Obedecei a vossos pastores, e sujeitai-vos a eles; porque velam por vossas almas, como aqueles que hão de dar conta delas; para que o façam com alegria e não gemendo, porque isso não vos seria útil”. Faça este propósito ainda hoje.
Pr Flávio da Cunha Guimarães.

Bibliografia:

Bíblia de Estudo de Genebra. São Paulo e Barueri. Cultura Cristã e Sociedade Bíblica do Brasil, 1999, 1728 p.

Bíblia Vida Nova. Traduzida por João Ferreira de Almeida. Editora: S. R. Edições Vida Nova, 2ª Ed. 1978, São Paulo.

BOYER, Orlando S. Pequena Enciclopédia Bíblica. 7ª Ed. Editora Vida, Miami Flórida USA, 665 p.

maio 28, 2012

"A SOLIDÃO E ANSIEDADE DO HOMEM MODERNO"

Vivemos o tempo das famílias ansiosas.
Ansiedade pelo o que haveis de comer. É bem verdade que tem muita gente passando fome e necessidade, não só em outros continentes, países, cidades, mas em nossas cidades. Por outro lado, é verdade também, que muitos passam fome porque gastam o dinheiro em coisas supérfluas, principalmente com os vícios, quando a Palavra de Deus recomenda em (Is. 55:2) "Por que gastais o dinheiro naquilo que não é pão? E o produto do vosso trabalho naquilo que não pode satisfazer? Ouvi-me atentamente, e comei o que é bom, e a vossa alma se deleite com a gordura".
Jesus Cristo trata da ansiedade com os discípulos em (Mt. 6:19-34), mas quero citar apenas alguns versículos que são eles: No V. 25 Ele diz: “Por isso vos digo: Não andeis cuidadosos quanto à vossa vida, pelo que haveis de comer ou pelo que haveis de beber; nem quanto ao vosso corpo, pelo que haveis de vestir. Não é a vida mais do que o mantimento, e o corpo mais do que o vestuário?”;
Perguntas que o Senhor faz nesta versículo que o homem não tem respostas para elas porque a nossa comida depende inteiramente de Deus. Depende de clima, de luz, de chuva, de oxigênio, etc.
No V. 28 Ele continua perguntando: “E, quanto ao vestuário, por que andais solícitos? Olhai para os lírios do campo, como eles crescem; não trabalham nem fiam”;
Mais uma vez Jesus Cristo está alertando que o vestuário é providencia do Pai. O que adianta se preocupar com a roupa se a vida é mais importante do que a roupa? Porque se preocupar com a roupa se a ansiedade poderá trazer a morte? Para que servirá a roupa? A roupa só é importante para quem está vivo!
No V. 31 Jesus continua interrogando: "Não andeis, pois, inquietos, dizendo: Que comeremos, ou que beberemos, ou com que nos vestiremos?" Porque se preocupar com as coisas que são de providência de Deus, se tudo provem dEle?
No V. 34 Jesus Cristo afirma que não é para se preocupar com o dia de amanhã dizendo: “Não vos inquieteis, pois, pelo dia de amanhã, porque o dia de amanhã cuidará de si mesmo. Basta a cada dia o seu mal”. Porque se preocupar com as coisas que dependem inteiramente de Deus Pai? É melhor se enquadrar dentro da vontade de Deus para receber as suas bênçãos e provimento do que ficar ansioso(a) que em nada há de contribuir para melhorar a vida!
No V. 33 Jesus diz claramente em que devemos nos preocupar: “Mas, buscai primeiro o reino de Deus, e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas”.
Há muitas famílias passando necessidades porque estão fora do Reino do Senhor. Não querem um compromisso com o Deus das bênçãos.
Ansiedade pela segurança em uma sociedade em que a bandidagem dita às regras para se viver.
Para que ansiedade se é o Senhor que nos guarda? No (Sal. 127:1) Ele diz: “Se o SENHOR não edificar a casa, em vão trabalham os que a edificam; se o SENHOR não guardar a cidade, em vão vigia a sentinela”. Ansiedade não trará mais segurança. Mas a conversão, o ser salvo sim!
Ansiedade porque não temos um tratamento igual numa sociedade desigual e poe desigual nisso!
Ansiedade porque quer ser alguém, ser notado, ser reconhecido(a), ser valorizado(a) numa sociedade que somos tratados como um ninguém, que não somos notados, reconhecidos, valorizados. Daí que tanta gente força ser notado, chamando a atenção para si, ainda que de maneira ridícula, estapafúrdia.
Ansiedade para se ter as tecnologias, o luxo que é acessível apenas para alguns privilegiados. Aí muitos preferem passar necessidades, mas terem uma TV de plasma, HD, o luxo dentro de casa, não importando o preço que pagarão por isso, não que o ter isso está errado ou é pecado. Mas não são mais importantes do que a vida com Deus. São pessoas manipuladas pela propaganda massante vendendo ilusão. O materialismo e o consumismo vão tomando o lugar de Jesus Cristo em nossas vdas. Cuidemos para não afastarmos Jesus Cristo de nossas vidas para que as coisas materiais e os desejos de nossos corações ocupem o lugar do Senhor em nossas vidas.

Para finalizar:
Quero afirmar que as pessoas se tornaram estranhas a si mesmas. Não se conhecem. Não sabem que são. Que papel tem dentro da família, na sociedade, o que décadas atrás isso era bem definido. Acabam sendo o que não devem ser. Não devem ser mau caráter. Bandidos. Violentos. Promíscuos. Pedófilos. Incrédulos e materialistas, mas para muitos é o que acabam sendo.
Oh, Deus tem misericórdia da humanidade perdida, sem rumo e sem direção. O que levou o Senhor Jesus a dizer em (Mt. 9:36) “E, vendo as multidões, teve grande compaixão delas, porque andavam cansadas e desgarradas, como ovelhas que não têm pastor”. Seja Senhor, o pastor desta humanidade ainda que a mesma não queira o Senhor como seu pastor. (Texto extraido de Rollo May, "O Homem a Procura de Si Mesmo", P. 9-16) e adaptado pelo Pr Flávio da Cunha Guimarães.
Bibliografia MAY, Rollo. O Homem à Procura de Si Mesmo. Tradução de Áurea Brito Weissenberg. 1982, Ed. Vozes. 9ª Ed., Petrópolis/RJ, 230 p, p. 9-16. Visite também os Blog http://odomperfeito.blogspot.com


maio 23, 2012

O TEMPO DAS FAMÍLIAS ANSIOSAS

O nosso assunto ainda é: “O Dilema – A Solidão e Ansiedade do Homem Moderno”.
O dilema, a Solidão bem como a Ansiedade são muito prejudiciais para a saúde da família em todos os sentidos. Vivemos o tempo das famílias ansiosas.

Ansiedade pelo estudo, pelo conhecimento, pelo saber. Não tenho nada contra o conhecimento, o saber; pelo contrário, todos devem buscar o conhecimento, o estudo. O que não pode acontecer é buscar o conhecimento, o estudo em detrimento a Deus, achar que o estudo numa Universidade substituirá o lugar de Deus em nossas vidas. Nunca acontecerá esta substituição, pois Deus é insubstituível. O Apóstolo Paulo tinha conhecimento acima de Doutorado, todavia propôs em seu coração nada saber alem de Jesus Cristo, o que ele declara em (I Cor. 2:2) “Porque nada me propus saber entre vós, senão a Jesus Cristo, e este crucificado”. Quem tem Cristo como seu Salvador tem a mente de Cristo, é o que o Apóstolo Paulo vai dizer em (I Cor. 2:16) "Porque, quem conheceu a mente do SENHOR, para que possa instruí-lo? Mas nós temos a mente de Cristo”.
(Prov. 1:7) diz: “O temor do SENHOR é o princípio do conhecimento; os loucos desprezam a sabedoria e a instrução”. Doutorado sem conhecer a Deus, sem uma experiência com Deus, sem o temor ao Senhor é ser ainda ignorante. Tema ao Senhor para que não seja ignorante.

Ansiedade por emprego, por trabalho para os que querem trabalhar é compreensível, aceitável, é louvável nos dias atuais, visto que estamos vivendo gerações que não querem trabalhar. Querem viver à custa dos pais, e as leis incentivam essa malandragem. Malandros dentro da família geram problemas, desentendimentos, perversidades. A Bíblia é contrária a malandragem quando diz em (II Tes. 3:10), "Porque, quando ainda estávamos convosco, vos mandamos isto, que, se alguém não quiser trabalhar, não coma também”. O sábio Salomão diz em (Prov. 6:11) "Vai ter com a formiga, ó preguiçoso; olha para os seus caminhos, e sê sábio; Pois ela, não tendo chefe, nem guarda, nem dominador, Prepara no verão o seu pão; na sega ajunta o seu mantimento. Ó preguiçoso, até quando ficarás deitado? Quando te levantarás do teu sono? Um pouco a dormir, um pouco a cochilar; um pouco a repousar de braços cruzados; Assim sobrevirá a tua pobreza...”. (Prov. 14:23 diz: "Em todo trabalho há proveito, mas ficar só em palavras leva à pobreza”. (Prov. 23:21) afirma: "Porque o beberrão e o comilão acabarão na pobreza; e a sonolência os faz vestir-se de trapos”. (Prov. 28:19) "O que lavrar a sua terra virá a fartar-se de pão, mas o que segue os ociosos se fartará de pobreza”.

Filhos parem de ser chupins, sangue suga de sua família. De viverem à custa dos pais. Se não podem trabalhar empregados porque as leis não permitem para os menores de idade, ajude no trabalho doméstico para que os maiores de idade possam trabalhar colocando o de comer dentro de casa. Já que não pode trabalhar como empregado, que aproveite o tempo livre para estudar, para ser alguém na vida futura. O que não pode acontecer, é se valer de um direito contrário ao ensinamento bíblico, para justificar a sua malandragem.

Para finalizar queremos dizer que Há tantas outras ansiedades! Ansiedade pelo o que haveis de comer. Pela segurança em uma sociedade predominada pela violência, pela bandidagem. Ansiedade porque não temos um tratamento de saúde digno; de igualdade numa sociedade desigual. Ansiedade pela necessidade de ser alguém, de ser notado, de ser reconhecido(a), de ser valorizado(a) numa sociedade que somos tratados como um ninguém, que não somos notados, reconhecidos, valorizados. Ansiedade para se ter as novidades tecnológicas, o luxo que é acessível para uns poucos. O remédio para toda essa ansiedade está na Palavra de Deus que recomenda em (I Pe. 5: 7) "Lançando sobre ele toda a vossa ansiedade, porque ele tem cuidado de vós". Manda embora a ansiedade de sua vida vivendo plenamente para o Senhor, Amém.
Pr Flávio da Cunha Guimarães.
Visite os Blog http://odomperfeito.blogspot.com

abril 27, 2012

DISPOSIÇÃO DE DEUS EM ABENÇOAR

“Eis que a mão do SENHOR não está encolhida, para que não possa salvar; nem agravado o seu ouvido, para não poder ouvir. Mas as vossas iniquidades fazem separação entre vós e o vosso Deus; e os vossos pecados encobrem o seu rosto de vós, para que não vos ouça”, (Is 59:1-2). O Senhor sempre esteve, sempre está, sempre estará disposto a nos salvar, responder as nossas petições, mas para isso Ele quer que nossas vidas estejam em conformidade com a sua vontade para nós. Purificadas das iniquidades, de nossos pecados pelo sangue precioso de Jesus Cristo, seu Filho, (I JO. 1:7). Pense nisso! Como querer que o Senhor salve, que o Senhor abençoe, que o Senhor responda as orações se não queremos deixar de praticar os pecados que ofendem a santidade de Deus?! O texto acima é claro em dizer que o Senhor está pronto a salvar e responder as nossas orações, o que impede são os nossos pecados. Portanto confessemos os nossos pecados para que não haja impedimento. Faça isso enquanto ainda há tempo.

Pr Flávio da Cunha Guimarães

OBS: VISITE O BLOG HTTP://ODOMPERFEITO.BLOGSPOT.COM

março 15, 2012

UMA MULHER DE VALOR.

UMA MULHER DE DEUS!
A meditação de hoje está voltada para o dia internacional da mulher.
Na quinta feira, dia 08, se comemorou o dia internacional da mulher. Criou-se este dia para homenagear, para valorizar, para reconhecer a importância das mulheres na sociedade.
Homenagem justa, aceitável, de grande valor diante do pouco prestígio, da discriminação, das humilhações, das violências que as mulheres sofreram, ainda sofrem no decorrer dos séculos.
O valor das mulheres era procriar, satisfazer os desejos do homem.
Portanto, esta homenagem é justa diante da importância das mulheres na sociedade de todos os tempos, todavia, só nas últimas décadas é que está havendo esse reconhecimento.
Não importa quem você é, que tipo de mulher você tem sido, quero afirmar que você poderá ser uma mulher de valor, como Débora o foi se você acha que não é uma mulher de valor.
O relato está em (Juizes 4:4-16), não leremos todo o texto, pois é um pouco longo, mas vamos fazer algumas citações das características de Débora que fez dela UMA MULHER DE VALOR.

A PRIMEIRA CARACTERÍSTICA, DÉBORA FOI UMA MULHER DE VALOR COMO PROFETIZA, V. 4. Profetiza era a mulher que falava da parte de Deus ao povo em geral. Falava de duas maneiras:
A – Falava o que Deus revelava através de sonho; ora através da mente, da consciência; ora de maneira audível;
B – Falava através da Lei revelada, escrita por Moisés.
Essa era a forma principal de Deus falar ao povo e ainda o é, o que Jesus Cristo deixou bem claro em (Luc. 16:29) na parábola do rico e Lázaro: “Disse-lhe Abraão: Têm Moisés e os profetas; ouçam-nos”.
Como, de que maneira Deus tem falado ao seu coração? Ao meu, ao nosso coração?
Se a forma principal de Deus falar é através de sua Palavra, logo, precisamos lê-la para que Deus fale conosco; precisamos ir à igreja para estudar a Palavra e ouvir de bom grado a mensagem aprendendo o que Deus quer mudar em nossas vidas. Amém!

A SEGUNDA CARACTERÍSTICA, DÉBORA FOI UMA MULHER DE VALOR COMO JUIZA, V. 4.
Ela julgava as causas do povo de Israel, V.5.
Deveres dos juízes conforme os textos de (Ex. 23:8; Dt. 16:19; Sal. 26:10 e Pv. 17:23) eram: Julgar de maneira justa; sem parcialidade; isentos de propinas ou suborno. A aceitação do suborno era, ainda é condenada por Deus. Débora era uma mulher de valor porque não se deixava corromper pelo dinheiro.
Se Débora fosse corrupta, Deus não a usaria como profetiza, como juíza, como libertadora do seu povo da escravidão.
Como, de que maneira Deus tem usado eu e você?
O Senhor quer usar nossas vidas para abençoar outras vidas; mas para isso precisamos ser justos, fiéis ao Senhor.

A TERCEIRA CARACTERÍSTICA, DÉBORA FOI UMA MULHER DE VALOR PORQUE TINHA ATITUDE, V. 6.
Mandou chamar a Baraque, deu-lhe as coordenadas da parte de Deus. Motivou-o para libertar o seu povo da escravidão, 6-7,9.
Mulher de valor porque teve a coragem de reivindicar a honra da vitória que o Senhor a daria para si, V. 8-9.
Orgulhosa? Não! Corajosa! Foi à guerra com o seu exército.
Estamos precisando, em nossos dias, de homens e mulheres de Deus que não fiquem reivindicando honras, mas que vão à guerra contra as trevas que querem dominar a sociedade em que vivemos; que querem impedir a marcha vitoriosa do Evangelho do Senhor Jesus.
Nós temos a luz do mundo que é Jesus, como Ele mesmo disse em Mat. 5:13 e Jo. 12:46.
Que a luz de Cristo possa brilhar mais e mais em nossas vidas.

A QUARTA CARACTERÍSTICA E ÚLTIMO, DÉBORA FOI UMA MULHER DE VALOR PORQUE ACIMA DE TUDO, ERA UMA MULHER QUE TEMIA A DEUS. SERVIA AO SENHOR DE MANEIRA FIEL, CAP. 5.
Podemos afirmar que somos homens e mulheres de Deus? Tememos verdadeiramente ao Senhor? Somos realmente fiéis ao Todo-Poderoso? Pense nisso!

Para concluir:
Quero falar as mulheres de hoje.
Você poderá, deverá ser uma mulher de valor, se acha que não tem valor.
Todavia, será uma mulher de valor verdadeiramente se temer, se servir ao Senhor com sinceridade.
Tem muitas maneiras de servir ao Senhor.
Visitando os enfermos, os órfãos e as viúvas.
Seja uma mulher de valor pregando a Palavra de Deus; sendo justa; tendo atitude; servindo a Deus de maneira fiel. Decida ser uma mulher de valor, uma mulher de Deus, amém!
Pr Flávio da Cunha Guimarães.

janeiro 20, 2012

PARA SE TER UM 2012 ABENÇOADO


Como, de que maneira se ter um 2012 abençoado? De alegria? De Vitórias? De felicidade? 
No primeiro Domingo de janeiro de 2012 afirmei que para se ter um 2012 abençoado nós precisamos estabelecer alguns propósitos:
O 1º PROPÓSITO: O PROPÓSITO DE SE CRER, DE SE DESENVOLVER UMA FÉ QUE SEJA CONSTRUTIVA, PROGRESSIVA, FRUTÍFERA E PRÁTICA. O CONTEÚDO JÁ FOI POSTADO.
O 2º PROPÓSITO: O PROPÓSITO DE VIVERMOS MAIS PERTO DO SENHOR; COM MAIS COMUNHÃO COM O SENHOR E COM OS IRMÃOS, O QUE JÁ POSTAMOS!

Hoje queremos tratar do...
3º PROPÓSITO: O PROPÓSITO DE SE VIVER EM PAZ, A COMEÇAR PELA FAMÍLIA.
A paz se tornou artigo de luxo em nossos dias. Tornou-se escassa. A maioria das pessoas está a sua procura e não a acha, não encontra.
Estamos vivendo um estado de guerra declarado, generalizado entre instituições, grupos e pessoas.
As guerras estão mudando de endereço, de propósito, de tática.
As guerras entre países quase não existe mais. Em compensação, aumentou dentro dos lares. Entre facções. Entre grupos. Entre quadrilhas. Entre canais de Televisão. Até entre igrejas e religiões.
Há na sociedade mundial uma guerra declarada de interesses.
Interesses no poder. Interesses Políticos. Interesses Econômicos, etc.
Há uma guerra declarada do mal contra o bem!
Uma guerra das trevas contra a luz!
Uma guerra da imoralidade contra os bons princípios, o que é moral.
Uma guerra da mentira contra a verdade.
Uma guerra declarada do secularismo contra o que é espiritual.
Uma guerra do que é profano contra o que é sagrado.
Uma guerra declarada contra os Religiosos; contra o Evangelho, contra a Bíblia; contra a Igreja de Deus; contra o Próprio Deus.
Como precisamos de paz!
Paz essa que só o Senhor Jesus pode dar. É o que o Senhor Jesus diz em Jo. 14:27 – “Deixo-vos a paz, a minha paz vos dou; não vo-la dou como o mundo a dá. Não se turbe o vosso coração, nem se atemorize”.
Em Jo. 16:33 Ele afirma: “Tenho-vos dito isto, para que em mim tenhais paz; no mundo tereis aflições, mas tende bom ânimo, eu venci o mundo”.
Aqui Jesus é claro que fora dele não há paz.
Em Jo. 20:21 o Senhor Jesus afirma: “Disse-lhes, pois, Jesus outra vez: Paz seja convosco; assim como o Pai me enviou, também eu vos envio a vós”.
A paz é o balsamo para o medo; para a insegurança; para à angustia; para o equilíbrio da vida emocional, relacional, espiritual.
A paz que tanto queremos, que tanto almejamos parece que está tão distante de nossos lares.
Por que parece que essa paz está tão distante?
Porque Jesus Cristo está distante da vida de muitas pessoas.
A maioria da sociedade não crê que Jesus Cristo existe. Vive como se Jesus Cristo não existisse.
Até para os que se dizem cristãos Jesus Cristo está distante.
Daí tanta guerra dentro dos lares.
Quando o Senhor Jesus reina em nossas vidas; quando o Senhor Jesus reina em nossas famílias; quando o Senhor Jesus reina nas igrejas; quando o Senhor Jesus reina sobre a nação, sobre o país, a paz de Jesus Cristo é visível, é real na vida das pessoas.
Se queremos um ano de 2012 abençoado, cheio de paz em todos os sentidos, paz essa que só o Senhor Jesus pode dar, precisamos convidar o Senhor Jesus a reinar em nossas vidas.
A sua igreja está em guerra? Deixe Jesus reinar sobre ela!
A sua vida está em guerra? Chame o Senhor Jesus para reinar sobre a sua vida!
A sua família está em guerra? Convide o Senhor Jesus para fazer parte de sua família!
Faça isso enquanto ainda há tempo de ser socorrido(a).
Desfrute da paz de Cristo enquanto aqui viver para viver em paz na eternidade.
Pr Flávio da Cunha Guimarães

UM MILAGRE CHAMADO BÍBLIA!


A Bíblia para chegar até nós foi um milagre, que contou com a ação sobrenatural do seu autor, que é Deus, inspirador e condutor do projeto chamado Bíblia. Usando homens que Ele mesmo preparou para preservá-la até os nossos dias.
Antes de Moisés, a “Palavra inspirada de Deus não era ainda escrita. O homem falhou à prova da consciência”, (John Mein, “A Bíblia e Como Chegou Até Nós”, P. 11).
A Palavra de Deus era transmitido de geração a geração via oral, correndo o risco de adulteração, Deus viu a necessidade de se Registrar, escrevê-la em papiros, usando homens escolhidos por Ele; preparados por Ele para registrar a história da criação; os atos e a Revelação de Deus aos antepassados para a posteridade.
O primeiro homem a escrever parte da Bí-blia foi Moisés. Escreveu, não só o que recebera de informações passadas de gerações a gerações, mas o que o Próprio Deus revelou a ele no Monte Sinai a divina lei. Não há evidência de alguém ter escrito antes de Moisés.
Antes de se escrever a revelação de Deus, havia duas testemunhas que falavam ao homem da parte de Deus.
1 – As obras criadas por Deus. Os Céus com os seus astros, plantas e estrelas como nos diz o (Sl. 19:1) “Os céus manifestam a glória de Deus e o firmamento anuncia a obra das suas mãos”.
2 – O segundo testemunho - “A consciência do homem”, (John Mein, P. 12), o único ser vivo que possui consciência no planeta terra é o homem.
O Apóstolo Paulo diz em (Rm. 2:15): “Os quais mostram a obra da lei escrita em seus corações, testificando juntamente a sua consciência, e os seus pensamentos quer acusando-os, quer defendendo-os”.
“Assim sendo, o homem possuía desde o princípio um conhecimento de Deus sem as leis escritas”, (John Mein, P. 12).
“‘Deus fez de homens livros’ antes de dar a Palavra escrita. Adão trouxe a história da criação através de 930 anos e, sem dúvida, contou-a, assim como a sua queda, a Lameque, pai de Noé, de quem foi contemporâneo por 56 anos. Lameque, por sua vez, foi contemporâneo de Sem, filho de Noé, por mais de 90 anos... Noé foi contemporâneo de sete gerações anti-diluvianas e de onze pós-diluvianas, assim vivendo durante 58 anos da vida curta do patriarca Abraão, e morreu 17 anos antes da saída dele para a terra da promessa... Adão transmitiu-a a Lameque; Lameque a Noé; Noé à Abraão; Abraão a Jacó; Jacó a Coate; Coate a Anrão e Anrão a Moisés que escreveu os cinco primeiros livros da Bíblia. Sete homens trouxeram a revelação desde a criação até que a Bíblia começou a ser escrita. Sete é o número bíblico que significa perfeição. Assim, Deus deu a sua Palavra, ‘porque a profecia não foi antigamente produzida por vontade de homem algum, mas os homens santos de Deus falaram inspirados pelo Espírito Santo’”, (John Mein, P. 13-15, 2 Ped. 1:21).

A BÍBLIA NÃO É UM LIVRO COMUM, UM LIVRO QUALQUER, DESATUALIZADO.
Apesar de 40 autores escreverem o Antigo e o Novo Testamentos, o autor verdadeiro da Bíblia é Deus que usou apenas os homens, dando-lhes a inspiração, a revelação Divina para a humanidade.

Para finalizar:
Eu amo a Bíblia, confio na Bíblia, defendo a Bíblia, anuncio a Bíblia, prego sobre a Bíblia porque Ela foi atual para a geração de Adão; para a geração de Noé; para a geração de Abraão; para a geração de Moisés; para a geração de João, o Batista. Jesus a atualizou mais e mais, de maneira que Ela continua atual para nós e será atual para sempre, pois o Próprio Senhor Jesus afirmou em (Mt. 24:35) “O céu e a terra passarão, mas as minhas palavras não hão de passar”.
A Bíblia é especial para mim porque Ela transformou a minha vida.
Não sei qual é o valor que a Bíblia tem para você, mas sei que todos quantos a desprezam, desprezam um tesouro riquíssimo para as suas vidas.
Sei que todos quantos a amam, a lêem são abençoados de maneira maravilhosa. Você crê nisso? Pense nisso enquanto pode ver, ler, ouvir e entender o plano de Deus para a sua vida através de sua Palavra abençoadora, AMÉM!

BIBLIOGRAFIA:
1 - MEIN, John. A Bíblia e Como Chegou Até Nós. 3ª Edição. Rio de Janeiro, JUERP, 1977, 125p.
2 - Bíblia de Promessas. Tradução João Ferreira de Almeida. RC. 2ª Edição, Co-edição JUERP e King's Cross Publicações, 2009.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

FALE CONOSCO

Nome:


Email:


Assunto:


Mensagem:


PAZ VERDADEIRA SÓ EM JESUS! Jo. 14:27 "Deixo-vos a paz, a minha paz vos dou..."


VISITAS POR NAÇÕES